17 de setembro de 2017

Conrado dando pitis...hehehehehe


Acabei de saber que, na manhã de hoje (16) Conrado deu o maior piti, reclamou de pressão no peito, choramingou e outras frescagens. E sabe por quê? O Nenê não está conseguindo suportar o tranco do confinamento no reality. Ficou despombalizado, tadinho! Hehehehe 
O fofoqueiro frouxildo chamou Dinei para a casa da árvore, para sair um pouco dos ambientes compartilhados da sede, e disse que a produção está dificultando sua vida dentro do confinamento. Hehehehe... Será que o Nenê estava pensando que A Fazenda é o Power Couple Brasil? Não Chuchuzinho, o babado aqui é forte. Não é aquela mordomia, come e dorme do outro programa.
Todo fragilizadozinho, o Fofo lamuriou para Dinei: "Eu entendo que eles precisaram fechar a sede ontem porque tinham que montar a prova, mas foi horrível deixar a gente lá, trancafiados, por quatro horas ou mais. Hehehehe... Somente quatro horas? É, entendo. Passar tantas horas sem poder ir fofocar na casinha da árvore, deve ter sido um desespero, hehehehe.
"Eu fiquei desesperado. Até o Fábio Arruda, que é um cara controlado, começou a gritar para tirarem a gente do quarto. Se fizerem isso hoje de novo eu vou tomar punição, porque simplesmente me recuso a ficar trancado de novo, vou ficar aqui fora custe o que custar", afirmou ele, todo cheio de marra! Hehehehe, somente os dois machos futriqueiros deram pitis!
Conrado estava tão despombalizado que até chorou, dizendo que está sentindo falta de sua família e que não se identifica com os outros participantes do jogo. É mesmo, belezinha? Então pede para sair. É só bater no sino e as porteiras se abrirão para o bezerro desmamado sair...
 Seria um presente do céu ter esse fofoqueiro fora do jogo e Rafael Ilha entrando, mais doidão do que nunca, para meter fogo no parquinho, fazer o inferninho de muita gente folgada.
Agora, eu indago: para que entrou, coisa linda de mamãe? Para ganhar dinheiro, comer, dançar,  fofocar, perseguir e armar paredões? Me poupe, cabrão mal acabado! Pede para sair, vai. Bate o sino seu chato!!! 
Para mim, essa celeuma feminil é pura jogada do espertinho. Só para aparecer na edição! Que desespero! Se não aguenta pressão que ficasse em casa, em vez de procurar promoção através de realities... 
Cara chato da peste. Já está careca de saber como é a disciplina em A Fazenda. A mulher já participou e nunca deu chiliques. Quer mamão com açúcar, Fofinho? 
É engraçado, na hora de ter a linguinha fiada para falar dos outros, armar paredão e ser maledicente ele não passa mal. Não aguenta? Vasa! 
É isso que acontece com cantor decadente, tem que se sujeitar a esse perrengue. 
Sai logo ...Não vai fazer falta nenhuma. Toca o sino Maricota, vamos, coragem! Toca o sino mermão!

Estão comentando que Conrado teria batido o sino para sair. Se for verdade, entrará Rafael Ilha para balançar o coreto, desestabilizar um magote de gente, provocar imensos barracos e tacar fogo no puteiro! Hehehehehe. Aqui para nós, acho tudo isso uma grande armação. Aposto como Conrado entrou com tudo combinado, para sair logo e dar seu lugar para o pilhado. Nunca haviam apresentado reservas. E a reserva feminina? Não há?

4 comentários:

Eva/RN ZCMC disse...

Meu povo. Estou triste com o falecimento de Marcelo Resende. Gostava demais desse jornalista. Quem costumar orar, faça uma prece para ele. Vai fazer falta. "corta par mim", põe exclusivo, etc.

Anônimo disse...

Dizem que já badalou o sino Blemblem!!!rsrs

Bandys disse...

Eva,
Marcelo vai fazer falta. Irreverente, serio , conseguia fazer um programa mais leve com seus bordóes humorados. Além de destacar os repórteres que trabalhavam com ele. Menino de ouro, Rabo de arraia, Cap de nascimento.
Vá com deus, Grande Marcelo.

Alex disse...

Conrado e Fábio detonando Marcos por conta de uma história com umas mulheres na balada. Esses caras tem que parar com essa besteira de colocar as mulheres em um pedestal, como se fossem intocáveis. Não em que mundo eles vivem. Conheço muitas histórias contadas por Marcos onde as mulheres se humilham por uma noitada, onde um tira do proveito do outro. Os homens atrás de sexo e a mulherada querendo ostentação, atrás do mais rico da balada.
Os babacas ficaram horrorizados com a história do Marcos, como se nunca tivesse visto ou ouvido coisas muito piores nestas festinhas, ainda mais no mundinho VIP deles.