31 de maio de 2017

O climão pesado marcou o Power Couple Brasil 2


Ontem, terça-feira (30), o Power Couple Brasil continuou com o casal Thaíde e Ana P. de volta ao programa pela repescagem. Logo após o retorno, eles conquistam as regalias da suíte Power e o poder de redistribuir os quartos. O casal está bem consciente de que passará a ser o alvo da maioria para ser eliminada, caso caiam numa DR. Assim, ficou tenso com a tarefa que iria desagradar aos que pegassem os quartos menos confortáeis. Foi justamente o que ocorreu com Juju e Marcelo Ié Ié escalados para o quarto Perengue. Ela reclamou muito, chorou, fez ceninha de gente mimada e muito dramakhão. Ele não ficou atrás na reclamação, especialmente por ter que dormir num colchonete no chão. Casalsinho duro de roer! Ela, uma magrela mimizenta e chatildérrima! 
Mais uma vez fizeram uma atividade na casa, na qual cada participante tinha que falar sobre as coisas que o incomodam em seu parceiro. Detestável ver um dizendo na presença de todos os defeitos do outro. Até porque alguns fazem draminhas lacrimejantes, dizem coisas piegas enquanto outros rasgam seda entre eles. Atividade maçante e nada divertida. 
Ana Paula, esposa de Sylvinho Blau Blau, reclama que todos os dias tem de fazer o almoço praticamente sozinha, que as pessoas não lavam nem o prato onde comem. Por que, em vez de reclamar, não larga tudo lá e deixa todos sem almoço? Logo aparecia gente para cozinhar. 

Durante a prova das mulheres, o clima esquentou e ficou pesadaço após Ana Paula mostrar o dedo do meio para Aline, esposa de Rafael. O baixote azougado ficou furibundo e partiu, com sangue nos zóios, para tomar satisfações, dizendo que, quando ela quisesse mostrar os dedos para a sua mulher não fizesse pelas costas da mesma. Aí fedeu! 

Ana Paula pediu respeito, Rafael continuou ofendendo, e a gritaria recíproca, permeada de dedadas e palavrões ficou descontrolada. Sylvinho se irritou e mandou Rafael calar a boca e ameaçou retirar-se do campo de provas se nada fosse feito para calar o desaforado anão de jardim. A birra entre os dois casais está acirrada. 

No desafio dos homens, havia um lugar composto por dois espaços espelhados (idênticos, porém invertidos) que simulavam uma sala com móveis, acessórios e objetos de decoração. Um desses ambientes servia como modelo, e o outro tinha os mesmos objetos e alguns outros diferentes, todos de forma desordenada, totalizando sete erros. O marido podia memorizar a sala guia por um minuto, para, em seguida e em até sete minutos, deixar a sala idêntica à sala guia. 
Pela regra, ele poderia checar a sala guia apenas mais três vezes. Além de arrumar, ele devia retirar o lixo espalhado pelo ambiente. Vai vendo no que deu essa traquitanda dos diachos! Somente três competidores concluíram a prova. 

Já no desafio das mulheres, a provinha porreta combinou um quiz de conhecimentos gerais na primeira parte com uma segunda etapa de resistência. Essa foi para torar! Eita provinha arretada! 
As oito mulheres começaram o jogo com quatro pesos de 1 kg cada: havia uma estrutura com uma anilha para encaixar os pesos. Por ordem de sorteio, os maridos escolheram as perguntas: se a mulher errasse a resposta, ela recebia mais um peso, e, ao acertá-la, podia colocar o peso em outra mulher. No fim, elas teriam que segurar a anilha com os pesos por 15 minutos: venceria quem chegasse até o fim. Eita, provinha mansa! Todas concluíram a pro
O desafio foi composto por 40 perguntas no total, sendo 10 de cada área de conhecimento, como língua portuguesa, história, geografia e ciências. Lascou! Quantas pérolas foram ditas! Voilá toute la sagesse du monde! 
No final das contas, o casal Ana Paula e Sylvinho ficaram na DR. Foram os que fizeram menos pontos e, como não poderão fazer a prova dos casais (foram retirados da prova pelo casal que pegou o poder do cartão na semana passada). 
O casal com maior pontuação- Suyane e o marido ganharam o prêmio de um carro zero quilômetros. 

Na quinta-feira, saberemos qual será o segundo casal a ir para a DR com Ana Paula e Sylvinho.

5 comentários:

Anônimo disse...

Estou achando que dessa vez o casal Ana Paula e Sylvinho vai ser eliminado. Não queria que eles saíssem de lá agora, pois dos casais que sobraram eles são um dos melhorzinhos. Agora é torcer que o casal Rafael e Aline esteja na DR também, e os outros casais sejam coerentes (ô coisa difícil) e mandem aquele surtado insuportável, junto com a sua esposa conivente, para casa.

disse...


Apesar de achar todos os permanecem no jogo sem sal e sem pimenta - só alguns surtados no nível máximo - terminei dando uma espiadinha.

Continuo na certeza de que a produção desse programa odeia as mulheres e ama calcar a dignidade delas. Todas as provas das meninas são cabeludas, algumas até indignas, enquanto aquelas elaboradas para os homens não envolvem nenhum sofrimento ou indignidade. Na verdade só jogam na nossa cara o que já sabemos: em pleno século XXI e apesar de toda a "emancipação feminina", os homens continuam alijados da rotina doméstica , mesmo quando as mulheres são previsoras ou co-provisoras.

AP me parece uma pessoa ressentida e amargurada e que está num casamento com a pessoa errada. A sensação cada vez mais forte é que ela não tem nenhuma admiração pelo Sylvinho e parece arrastar aquela relação como se fosse uma pesada corrente presas aos tornozelos. Regiane é outra que parece ter zero afinidade e admiração pelo marido. Cada um sabe a dor e a delícia do que vive no dia-a-dia com o parceiro, mas há uma notória falta de sintonia entre esses casais. Acho indigna a forma como essas duas mulheres tratam os seus homens.

Achei Frank e Marcely bem mais leves. Ela me passa a impressão de ser muito tolerante com ele- o oposto da AP e Regiane. Muy provavelmente é por essa postura dela que a relação se perpetua. A mim parece que ele tem feito um mea culpa e se esforçado sinceramente para tratá-la com mais dignidade. Em alguma medida eles me enternecem.

Rafael pilha... Que meda! Juro que eu não me sentiria insegura habitando o mesmo espaço que esse louco em eterno surto. Sino arrepios só de imaginar ele adentrando meu quarto com uma faca em punho para cortar a minha cabeça. Hahahaha!

Gosto de sinceridade e odeio falsas mesuras, mas para ser sincero você não precisa ser tão cruel. Na verdade palavras cruéis só revelam o que sentimos pelos outros - zero empatia.

E o casal fasiane e mimimi? Amei que foram para o perrengue. A troca de quartos é uma das regras do jogo. O que os faz crer que eles estão imunes? Só porque ela não tem músculos deveria ser poupada? Afinal todos já sacaram o óbvio - quem tem aquele casal como amigos não precisa de inimigos.

disse...

Voltei só para falar do casal Nadessa. É notório que ela é cérebro e ele o coração da relação. Porém, diferente de Regiane/AP, que estão mais do que desconfortáveis com as diferenças de compasso entre elas e os maridos, Andressa e Nasser se completam, se complementam, se respeitam e se apoiam. Um supre o que falta no outro. É lindo de ver! Pena que eles saíram precocemente, pois são uma casal que nos leva a crer no que de existe de melhor numa relação a dois.

disse...

Opis! Correções: prOvisoras; corrente presa, sem o S do plural;juro que eu Me sentiria .... sinto arrepios só de imaginá-lo...

Anônimo disse...

está sem graça agora ,O Rafael é chato mas ontem a mulher do Silvinho desrespeitou mesmo a mulher dele ,até que eu gostava do casal Silvinho e sua esposa mas ela está muito chata