29 de fevereiro de 2016

Debi e Loide na liderança só podia dar no que deu...


A pós-formação do paredão como eu já havia prenunciado, está mostrando que a dupla Tamiel/Renan sairão queimadaços da liderança dupla. Especialmente, depois da equivocada indicação de Munik, graças a omissão e passividade de Renan e dos delírios de grande estrategista do paspalho, mega burraldinho, super cegueta em matéria de leitura do jogo e entendimento dos recados que o público vem mandando a cada paredão, que traz de volta a protagonista máster do BBB16. 
Agora, estão lá, cabisbaixos, lamurientos e chorando as pitangas pela cagalhante escolha de Munik, pela justificativa pífia para a sua injusta e equivocada indicação. 
Renan mostrou claramente ter ficado decepcionado com a decisão de seu parceiro de liderança, Tamiel, como se este não tivesse dito que só tinha dois nomes para escolher: Geralda e Munik, ambas rejeitadas pelo modelo omisso que não soube impor sua recusa. O cara abriu mão do automóvel, abriu mão de escolher a pessoa a ser indicada, deixando, covardemente, a decisão nas mãos do paspalho Tamiel. 
O professor de ecologia, além de indicar Munik com o voto de líder, também emparedou Ana Paula graças ao poder que ganhou ao atender ao Big Fone. "Acho que foi um tiro no pé", desabafou Renan ao colega. De acordo com o modelo, não foi sábio optar por enfrentar Munik e Ana Paula pela permanência na casa. 
Tamiel ficou visivelmente abalado com a opinião do parceiro de confinamento. "Você está mal e eu também estou, mas tive meus critérios", retrucou o cagalhão ( que critérios? Os critérios deveriam ter sido compartilhados, coisinha arrogante). "Eu deveria ter contado a mensagem do Big Fone para ir direto para o paredão. Estou me sentindo muito culpado e o pior é ficar mal com você". Está arrependidinho, tadinho. Estou morrendo de peninha. Bundões! 
Renan deixou claro que não ficou confortável em fazer parte da indicação de Pequi, já que não tem nada contra ela. Para ele, Tamiel deveria ter escolhido a goiana quando teve a oportunidade de emparedar alguém com o poder do Big Fone. Desta forma, o modelo teria evitado participar da indicação de alguém que ele gosta. "Essa coisa de liderança em dupla é uma merda", desabafou Renan. Certo, certíssimo. Mas, em liderança de dois cabrões medricas, com um se omitindo e o outro dando as ordens, seria pedir muito a Tamiel que assumisse sozinho o peso da indicação de Munik pelo Big Fone. Daí ter escolhido Ana Paula, a que não é unanimidade na preferência dos outros confinados. O engraçado é que Renan fez na liderança a mesma coisa que Tamiel classifica como o pior defeito de Munik: acompanhar Ana Paula nos votos. Exatamente o que fez Renan seguindo a escolha que o bofe feioso e chato fizesse. 
O mais risível foi a justificativa do Douto Professor, dizendo que a decisão foi baseada em "critérios matemáticos". Oi? Cuma é? Arre égua, quanto despautério! Desde quando cagaço e covardia tem a ver com matemática, “véi”? Hehehehehe. Este carinha é uma piada...). 
Tamiel fez uma jogada arriscada, sem avaliar o fator X9 de Matheus e a imprevisibilidade dos votos da Fofolete insuportável e de Geralda quiabo. Falhou fragorosamente em seus cálculos matemáticos. Burrice maior foi a da Fofolete borboleteante, Matheus e Geralda que perderam talvez a última chance de mudarem os rumos da própria permanência no jogo, vez que já não enganam mais o trio Ronan, Ana Paula e Munik, não são coesos em suas escolhas feitas na base de picuinhas mesquinhas. 
Tamiel mostrou ser péssimo jogador, porque se colocou diretamente fora do BBB, pois irá enfrentar as duas fortíssimas torcidas de Ana Paula e de Munik, a que ele chamou de soldadinho raso na tropa de Ana Paula. Renan, tendo escolhido ficar na moribunda macholândia, uniu aos perdedores. Provavelmente será o próximo eliminado. É pena, gostaria que ele chegasse mais longe, que tivesse a oportunidade, que teve Ronan, de mostrar-se de uma forma mais positiva. Ele sabe ler o jogo direitinho, não é má pessoa, seu mal foi aliar-se com o time do Pastor Santo e assimilar as baboseiras pregadas por este farsante. 
Se Tamiel tivesse ouvido Renan, não teria indicado Munik. Se tivesse indicado Geralda, é bem provável tivesse mais chances de escapar da eliminação. Renan leu direitinho o jogo. Supondo que Ana estaria no paredão e sabendo que ela já havia voltado de 3 paredões e que um dos braceletes seria uma provável indicação ao paredão, tentou persuadir Tamiel a não indicar Munik, já prevendo uma sua possível eliminação. Simpatizei com Tamiel até que começou a dar seguidas vaciladas. Hoje, o considero uma imensa mala sem alça. 
Foi realmente um tiro no pé a indicação de Munik. Se tivesse indicado Geralda, estaria livre do paredão. O cara se ferrou. 
Mas, nem tudo está perdido para a moribunda macholândia. Se os dois sobreviventes – Adélia e Renan- unirem-se com a Fofolete e com Matheus, o jogo poderá virar. O voto minerva seria sempre Geralda. 
Mudando o rumo da prosa, vai vendo mais conversa sobre o paredão. Estas se estenderam por horas. Na cozinha, Ana Paula, Munik e Ronan mostraram desconfiança com relação ao jogo de Maria Claudia e Matheus. "A Adélia sabia do voto do Matheus, mas ele não conversa sobre voto, certo?", perguntou Ronan para a Fofolete. Antes que a palhacinha borboleteante pudesse responder, Ana Paula comentou: "Ou ela sabia, ou fez de caso pensado. Você pensa que ela [Adélia] é boazinha, mas ontem era ela quem estava envenenando a Dona Geralda contra você". A jornalista se referia ao momento em que Adélia procurou Geralda para contar que Cacau a havia chamado de "velha falsa". Depois dos questionamentos, o clima ficou visivelmente desconfortável, e a sonsa chiliquenta Maria Claudia desconversou e continuou preparando a mesa para o jantar. Agora o jogo está ficando no ponto: o time Olha Elaaa já sabe quem são esses três falsos, oportunistas, principalmente os emcimamuristas que se enfiltram nos dois lados da força, escutando o que planejam e conversam para usarem em causa própria.

Paredão dos sonhos? Só nos delírios de Tamiel!



Ô, lelé, ô lá lá, pisa no ganzé, pisa no ganzá, la ri lááááá! Ôpa, paredãozinho supimposo! Arretadíssimo! Adeus, professorzinho aloprado! Está nervosinho? Volte às meditações... ommmm, ommmm, ommmm! Relaxe e aproveite mais dois dias na casa... 
Aqui para nós, é preciso ter miolos de minhoca para cometer a estupenda burrice de formar um paredão suicida com duas aliadas, sabendo que corria o risco de ser votado pela casa para o mesmo embate! Será que, em nenhum momento, passou pela brilhante mente desse otário acéfalo que as torcidas de Ana Paula e de Munik vão se unir e sambar de salto alto na passarela da derrota desse jogador de meia tigela? 
Não teria sido mais vantajoso indicar um dos que ficam no muro? Tanta futrica e tentativas de conchavos na festa para cair nessa esparrela... 
Mas, Tanielzin vai virar personagem histórico, pois protagonizará a primeira derrota de um líder na história do BBB. E o mais patético: eliminado com imensa rejeição em um paredão planejado meticulosamente, com requintes de cientista, por ele mesmo. Ó, Pai! Onde estavam as lamparinas do cérebro desse teu filho atarantado? 
Genteeee, o que foi Ana Paula no Fantástico!? Ana Paula pedindo música e divando no fantástico. Demais! Tadeu Schmidt disse: Sabe quem pediu música? Ana Paula do BBB, quem volta de 3 paredões pode pedir música. “Diga espelho meu, se há na avenida alguém mais feliz que eu”. 
Olha elaaaaaa! Ana Paula no fantásticooo, sambando nas fuças dos seus detratores linda, leve e solta!. 
Que raio de edição bacanuda foi a de hoje? Mostrou com detalhes os papelões da Fofolete infantiloide, abestadinha e tão mediocrezinha, tadinha. A justificativa dessa sem noção no confessionário para o voto em Geralda, revelou bem seu espírito mesquinho, sua limitação mental e, mais que tudo, o quanto é incapaz de assumir uma atitude adulta e decente, reconhecendo os próprios erros, antes de criticar Geralda. Falar mal de Geralda para Bial foi o ó do borogodó! Pegou mal! Eles sabe de tudo quanto se passou na festa. É uma grande furada inventar ou insinuar situações que não existiram.
Não sei se observaram que Bial estava de poucas conversas com a turminha. Não teve paparicos com ninguém. Nada de “Cacausinha, meu anjo”, nada de Adélia, “minha rainha”, nada de conversinha com os líderes cagalhões, etc. No confessionário foi seco, direto e cordial, mas sem papinhos. A Fofolete só não sacou a secura dele, porque é tão deslumbrada, que não enxerga um palmo diante do próprio nariz, ou enxerga, mas se faz de doida para passar melhor. Bial chamou-a de Maria Cláudia e não lhe deu cabimento no confessionário, mesmo quando ouviu a justificativa maldosa dela para o voto em Geralda. A personagem que ela montou já cansou. Ela foi tostadinha pela edição... Aliás, não apenas ela. Também Adélia, Matheus, Tamiel e Renan. Em contra partida mostraram lindamente a o momento ternura de Geralda com Ronan. 
A máscara da menininha inocentinha caiu por terra, graças a Geralda. 

Genteeee, a luta pela vitória de Munik e Ana Paula começa hoje. Quem quiser participar de algum mutirão, existem muitos em vários blogs. No twitter de Susan Mello, @decarapralua, os mutirões são super organizados e animadíssimos.

 VAMOS QUE VAMOS... VOTANDOOOOO! #Fora Tamiel

☎ 0303 108 8403 📨 884 03 💻

28 de fevereiro de 2016

Festa fodástica, escândalos bafônicos!


Gente, foi tanta gente em rota de colisão na festa MMA que farei um resumo dos conflitos, quase simultâneos que pipocaram na pista de dança e dentro da casa.
Sem narrar pela ordem da acontecência, eu começo com o mais quente e inusitado barraco: Geralda, indignada, soltando todos os cachorros contra Maria Cláudia. Tamiel e Adélia, como dois náufragos desesperados lambendo as patinhas da bebum Fofoleteante mendigando o anjo. Maria Cláudia, como sempre, enchendo a pança adiposa de manguaça e batendo o próprio recorde de chatice, inconveniência, ciumeiras infantiloides, fazendo variadas, lastimáveis e ridículas ceninhas de teatrinho mambembe. Renan resolveu se chegar para Ana Paula para uma pretensa conversinha amistosa e tomou um baita toco da loura avessa a hipocrisia e falsidade. Adélia encheu a cara botocada de álcool e passou a noite futricando, levando e trazendo, tecendo intrigas e, com isto, provocando a explosão de raiva de Geralda contra os horrores que Maria Cláudia disse com ela, pelas costas, claro! Depois, a medonha advogada vomitou entre duas das camas do quarto, empestiando o ambiente. Maria Cláudia molhou de propósito o microfone, jogando água no corpo e, com isso, irritou a produção que encerrou , no ato, a festa. Ao perceber que acabou a cerveja (ou o chopp), Munik, bêbada como um gambá, começou a estrilar com a produção, berrando por mais bebida, revoltada com o encerramento da farra, recusando-se a deixar a área externa. Claro que a Fofolete fez coro com ela, como fez várias cenas de bundalêê na pista, juntas com a advogada bebaça. Renan e Tamiel se fizeram de mui amigos de Ronan para embebedarem o rapaz, enchendo o copo do mesmo e o estimulando a beber todas... Muito degradante tal atitude, pela maldade nela embutida. Acabou a água, Munik e a Fofolete se meteram no quarto dos líderes, ficaram só de calcinhas e soutien, meteram-se na banheira, fazendo a maior algazarra. Tamiel e Renan super solícitos com as duas bêbadas, oferecendo as almofadas e o sofá para que elas ficassem com eles. Tamiel não poderiam perder a oportunidade de continuar a mendigar o anjo da Fofolete. Que nojoooooo! Que festão de arromba!
Genteee, o que foi Maria Claudia, histérica, bêbada de fazer vergonha até ao diabo, desacatando Geralda, aos gritos de gralha desafinada, chamando-a de “velha nojenta”, “f.... da p...” “falsa” e outros impropérios chulos. A máscara da menininha fofinha, meiguinha que ama todos na casa, espatifou-se na pista de dança. O desbocamento foi tão grande que precisou Adélia e Munik taparem a boca da hipocritazinha furibundante, para que Geralda não ouvisse os desaforos e partisse para cima da lourinha sonsa e santinha de pau oco. 
Tamiel, um homem de 40 anos, mostrando quão podre ele pode ser, aproveitando a bebedeira de uma menina de 19 anos para arrancar dela uma promessa de voto, meteu-se no quarto amarelo, supostamente para apoiar a desaforada da noite, e aproveitou para fazer uma proposta nojenta para a bebum chichiliquenta: "Eu indico dona Geralda e você vota no Ronan". (Plissada, Cho-ca-da, genteee!) . E falam de Ana Paula!...
A sorte é que a Fofolete, no momento com o nível etílico mais baixo que sua dor de cotovelo com a indiferença do pré-ficante, revirou os olhinhos matreiros, deu um olhar de exorcista para o cagão e disse: “Sim, eu sou muito esperta”. Que mico, hein professor? Poderia não ter passado por mais esta! 
Tamiel e Adélia chegaram no nível máximo da desfaçatez, da falta de escrúpulos e da baixeza, na corrida esganada pelo Anjo. Os dois ficaram na festa para isso mesmo, nunca vi Tamiel dançar tanto, ser tão simpático com todos, até com Ronan, Pasmem! Integridade moral passou por longe!
 Até Renan estava na maior atividade, provocando a Ana Paula, talvez na esperança de fazê-la explodir, bater nele e ser expulsa... Atacaram em todas as frentes, só não esperavam as reações dos seus alvos. 
Três momentos dignos de nota marcaram a noitada, dois envolvendo Geralda, o terceiro protagonizado pelos inimigos íntimos Renan e Ana Paula. 
Os dois incidentes com Geralda, um teve conotação negativa, execrável em todos os sentidos: os ataques verbais da Fofolete bebum contra a matriarca da casa, provocando a furibundante revolta da meesma. O outro, super positivo e surpreendente, foi vivido com Ronan embriagado pela dupla que o ama de paixão, Tamiel e Renan (para que embriagaram o rapaz? Para desestruturá-lo e melhor destruí-lo?). Coisa mais feia! Dois homens se prestando a esse papel de medricas, no maior cagaço, sem atinarem como formar um paredão com decência! 
 A cena com Renan passando a lábia para a Loura capeta, querendo ficar "de boa" com ela numa festa em que ela estava quase bêbada, assinalou um dos momentos Master Card da festa, pelo mico que o lindo pagou e pelo toco que levou.. Cara de pau...
A treta com Geralda e Fofolete deslumbrada radicou no fato dela ter sido surpreendida por Geralda, na cama com Ronan, com aquelas pieguices fofoletiantes, fazendo a meiguinha, a queridinha com o rapaz bêbado. Geralda não gostou da cena e, temendo tretas para cima do curitibano, tratou de impedir que a bebezinha inocentinha continuasse a esfregar-se no rapaz, tentando beijá-lo na boca, querendo fazer subir a auto estima arrasada pelo trato frio do coitado Matheus.
Com muito custo, conseguiu que ela largasse Ronan e saísse do quarto. Em seguida, Maria Cláudia foi até o banheiro e Munik ficou no aguardo. Geralda chega ao cômodo e Munik pergunta: "Colocou o Ronan para dormir?". A goiana diz que é para elas voltarem para a festa e a aposentada quer saber quem jogou bebida no microfone. "Não fui eu. É desperdício", garante Munik. "Isso é ridículo", dispara Geralda (foi a fofolete sem noção quem fez esse estrago).
Maria Claudia sai do banheiro e se joga no chão (depois dirá que escorregou para se fazer de vítima). Geralda tenta fazê-la se levantar e voltar para a festa. A Fofolete faz birrinha de bebezinha , recusando-se a levantar. Geralda perde a paciência e diz: "Dorme lá fora. Quer aparecer? Dorme lá fora. Você é muito aparecida". Munik insiste, vãmente, em chamar a Fofolete para retornar à área externa. "Deixa ela aqui para mostrar a imagem dela", pede Geralda. 
Maria Claudia se levanta e xinga a aposentada. "Ela é falsa, Munik". "Deixa. O Brasil está vendo", avisa Munik, mostrando as garrinhas. 
De volta à festa, Maria Cláudia deu continuidade ao seu showzinho de desrespeito e baixaria contra Geralda, quem sabe imitando Ana Paula nos ataques ao barbicha, crente que estaria agradando ao público e, quem sabe, também ganharia um paredão fake!? Vale tudo por uma ceninha na edição! Pena que seja destituída de carisma, charme e glamour!
Geralda sabendo de tudo pela fofoqueira Adélia entrou em estado de erupção vulcânica! Queria partir para um arranca rabo com a Fofolete bêbada (ou se fazendo de bêbada, nela quase tudo é teatrinho para a edição), sendo impedida pela mesma podrura que a incitou na ira: Adélia malvadeza.
Geralda prometeu que pegaria Maria Cláudia no dia seguinte para lhe dizer umas boas verdades. Aguardemos! 
O segundo momento com Geralda foi ela cuidando de Ronan, tirando-o da festa, livrando-o do assédio maldoso da dupla Renan/Tamiel, levando-o até a cozinha para beber água e, a seguir, obrigando-o a deitar na cama para dormir. Foi muito bonita a atitude zelosa de Geralda com o curitibano. Ela ficou junto, sentda à beira da sua cama, falando palavras amigas, enquanto ele chorava, tentando controlar as lágrimas, dizendo que "quem é da rua não chora, na rua quem chora é fraco, eu não sou fraco, não posso ser fraco". 
Geralda o atalha, dizendo: você não está mais na rua. “Tudo é rua", respondeu o curitibano. 
Geralda emocionou-se para valer. Começou a fazer carinho no rosto dele, pediu que deitasse a cabeça em seu colo e começou a cantar música de ninar para Ronan dormir... Que cena bonita, gente! Ronan chorando e Geralda consolando... Cena linda! Cena humana, de uma tremenda humanidade, só possível em pessoas que sabem que sentimento não tem raça nem cor!
Nunca imaginaria ver Geralda emocionada, desnudando seu lado mãezona, derretida de ternura pelo ex-menino de rua, endurecido pela adversidade que encarou desde cedo, que talvez nunca tenha tido na vida um colo de mãe para aconchegar-se. O coração imenso de Geralda explodiu de emoção sincera, diante do pranto e das palavras de Ronan. Aplaudo de pé seu belo gesto! 
Diante do comentário de Ana Paula louvando a atitude dela, Geralda disse: "Eu queria que as pessoas enxergassem que, por trás da minha carapaça, existe uma pessoa sensível". Gostei demais dessa Geralda que se mostrou nesta bafônica festa. Não tem como não gostar dela. Na minha semana, que começa hoje, Tamiel é demitido do banquinho reserva e Geralda ocupa seu lugar, ainda mais por ter desmascarado a Fofolete insuportável. No time oficial, continuam Ana Paula, Ronan e Munik. 
Outro momento inesquecível foi a tentativa do líder que não manda nada, Renan, de ter conversinha amiga com Ana Paula. Que mico! Mico com potencialidades de Gorila! Só levou um monumental toco, dado com muita gozação e aquele estilo Ana Paula! Vai vendo uns pedaços da conversa: Renan: “Você só mostrou pra mim que não quer conversar comigo".
Ana: "Não quero, você não me interessa. Porque você tem que ficar perto de mim? Quer me beijar? Tá querendo que eu te bata? Querido, tente outra vez. Me leva pra banheira de espuma. Hehehehehehehe 
Ana: conversar comigo pra que?
Ele (Renan) não gosta de mim. Isso Ana! Rimuito com essa cena homérica! Ela sensualizava, se roçava nele, fazendo a maior gozação com o bunitin...

Ana estava de boa, curtindo a festa e Renan catando treta... Renan, se fazendo de meiguinho, chamando Ana de Aninha. "Aninha o seu rabo, pra voce é Ana Paula". Tomou, frangotinho? Primeira mulher do BBB16 que não implorou atenções ao Renan, abusou, e o largou falando sozinho! Agora ele se apaixona!! Se ele realmente queria ficar de boa com ela não chamaria para conversar numa festa né. Ele não a suporta. Hehehehehehe.
Tamiel, assinalou todos os momentos vergonha da festa. Não largava os calcanhares da Fofolete, chegou até a ajeitar os cabelos da deslumbradinha, enquanto Adélia lhe fazia os pés. Num momento em que a chichiliquenta dava pitis no quarto amarelo, ele achegou-se para dizer estas pérolas: você está se preocupando com pouca coisa. Em seguida argumenta que todo mundo quer colocá-lo no Paredão, conta que Geralda já o indicou três vezes. Isto posto, ataca de frente falando que pode indicar a professora aposentada à berlinda, caso a casa vote em Ronan (vai vendo: já trocou Munik por Geralda, jogando oportunistamente com o conflito entre as duas), para que, assim, ele se livre do Paredão. "Estou morrendo de vergonha de falar isso para você, mas estou me defendendo (ou seja: borrando as calças). Eu mando ela, e você vota no Ronan", negocia o Professor aloprado, ignorando totalmente a opinião do parceiro na liderança. Renan, tornado um mero fantoche nesta segunda liderança. Vai vendo a que ponto de baixeza chegou esse cara para escapar do paredão! Vale lembrar que Tamiel procurou Geralda, na festa, e disse-lhe podia ficar tranquila em relação a ele, pois não seria indicada. Geralda foi reticente, não deu trelas para ele. Logo depois, fez a proposta que fez à Fofolete?! É de pasmar! Upa, lêlê... vegonha na cara manda lembranças! (usando a expressãozinha em moda, será que isto é inversão de valores? Hehehehe).

A festa terminou cedo porque Cacau molhou o microfone jogando água nela mesma. Já haviam avisado que se alguém molhasse o aparelho, a festa seria suspensa. Depois de causarem, gritarem na pista de dança por mais bebida e pela continuidade da festa, Munik e Cacau se meteram no quarto do líder, foram para a banheira, fazendo uma algazarra dos demônios. As duas avisaram que iriam tomar banho de calcinha e soutien...E assim fizeram! Que cena triste!  O que faz a cachaça e a vidinha permissiva dessas mocinhas puras e recatadas...
Fofolete fazendo ceninha
Claro que Tamiel estava adorando, pela oportunidade de negociar o anjo com a bebadaça. Que papelão! Os dois deveriam ter levado as duas para o quarto delas. Nunca terem ficado com elas bêbadas. Inclusive, Maria Cláudia meteu-se na cama com os dois... Que cena deplorável! 
Na festa, Renan e Tamiel ficaram na maior paparicagem com Ronan, bebendo com ele, além de maldosamente fazer brincadeirinhas que levavam o curitibano a beber mais que ele. Até que ficou bêbado e foi tirado de perto dos dois por Geralda. Patético!!! 
Ainda estou rindo muito do desespero do Tamiel, e direto ele solta "To armando isso tudo mas não tenho medo de paredão não...”. É ou não é para dar risadas? 
Agora, pela manhã, Maria Cláudia está nas agonias porque sabe que aprontou mais da conta, pisou na bola com Geralda e está toda assanhadinha para tirar satisfações com a mineira porreta! Queria tanto que ela fosse... Ainda vamos ver um barraco piramidal entre essas duas!
O resultado de toda a bagunça festeira é a incerteza de Ana Paula no voto de Geralda, agora querendo votar em Maria Cláudia. Tamiel na cola dessa tonta para convencê-la a salvá-lo do paredão, Geralda com os nervos à flor da pele, correndo o risco de entrar em colisão com a Fofolete mentirosinha e sonsa que está deturpando os fatos de ontem, Basta mais uma fofoquinha de Adélia e a bomba relógio explodirá.
Vai vendo a advogada bêbada, arrastando o bundão no piso.
Gente, é divertido ou não é? Onde já tivemos uma edição dinâmica como esta? Só a décima e a sétima...
Até o supimposo paredão de hoje à noite...

27 de fevereiro de 2016

Prova do anjo e outros rabiscos


Maria Cláudia ganhou a prova do anjo e, repentinamente, incorporou a menininha de falinha tatibitate, estridente e fofoleteante, dando pulinhos e gritinhos cut cut... Que gracinha! Que florzinha de formosura! 
Para dar o monstro foi outro alarido insuportável, de estourar e os tímpanos dos desavisados. Escolheu Geralda e Adélia (adorei Adélia no monstro e sem o ambicionado colar do anjo). Já viu que escolha mais acertada? Ver a advogada rambótica fantasiada de disco vinil, deitando no chão para Geralda agulha ficar fazendo-a tocar a musiquinha, é fora de série! É muito top! 
Desde ontem à noite esta chatildinha vem recebendo meus aplausos. Primeiro pelos tocos medonhos e corajosos que deu no líder Tamiel que a pressionava a fazer alianças descabidas com eles. Dei mesmo nota dez para a sua excelente performance, falando com voz de gente adulta, peitando os fracos argumentos do Professor Aloprado, inclusive o mais medonho de todos: usado desastrosamente para fazer uma comparação infeliz com o que fez Ronan e seus três coleguinhas inocentinhos da primeira liderança, ou seja: um estupro.
Para esse sem noção, num caso de estupro, só é culpado do crime bárbaro o que estuprou primeiro a mulher, os que o seguiram no ataque a mesma são menos culpados!
É um espanto a noção de moral desse homem. Usar um exemplo tão grosseiro, acintoso e amoral para comparar com as trapalhadas de Ronan, em um joguinho de BBB, um crime hediondo, e, o mais grave: minimizando os outros três que, também, participaram do mesmo erro.
Pelo menos ele admitiu que Daniel, Alan e ele próprio também participaram da mesma tramoia. Assim, Ronan seria o estuprador, o pior covarde e o maior culpado, devendo pagar o crime na cadeia. Os outros três pagariam uma cestinha básica, porque apenas abusaram da mulher... Na moral! Que tipo de professor é este? Decepção sem remédio! Que homenzinho limitado! 
Aliás, o quarto do líder , ontem à noite, foi o melhor do PPV, estava lindo de ver o desfile asqueroso da vileza humana mostrando a cara nas caretas de Tamiel, na sua ansiedade crescente causada pelo medo do paredão. Era pressão de alta voltagem para tudo quanto era lado,( visando a Fofolete) de Tamiel e de Adélia, seguidos dos tocos corajosos de Maria Cláudia e de sua contra argumentação pertinente.
Muita viagem da turminha da moribunda macholândia ameaçando de votarem na fofolete para o paredão. Ainda bem que a deslumbradinha reagiu na hora com um respostaço supimposo: "vocês não tem número para colocarem alguém no paredão, pela casa. Chupa, chupa, chupa que é de uva! 
Matheus não deu o cabimento de ficar no quarto dos poderosos ouvindo doutrinação, caiu fora e foi participar das conversas do grupo "Olha elaaa".
Assim, os dois escutam todas as conversas e ficam por dentro de todas as estratégias. Até quando vão conseguir passar como os bonzinhos da edição?  Um dia a casa cai! Será? 
Não acho que Maria Cláudia, de repente, tenha saído de cima do muro. Nunca! Não confio tanto nela para acreditar na sinceridade de sua defesa a Ronan. Essa marra toda com Tamiel radica na frustração por não terem conseguido induzir a dupla Tamiel/Renan a negociar a prova do líder, deixando que eles ganhassem a liderança. Ela e o boyzinho estão pelo gogó com os dois líderes, porque recusaram a proposta desonesta que fizeram, tentando fazer da liderança moeda de troca. Este é o resumo da ópera bufa desses dois ensaboados. Maria Cláudia só tem um lado: o dela própria. Babaca são os que a poupam e ao boyzinho saltitante do paredão, deixando os dois na zona de conforto, caminhando rumo a final! 
Genteee, o Monstro é dos piores. A roupa de Geralda é muito desconfortável! Mas, quem mandou a chaminé se meter em programa pesado, próprio para gente mais nova? Então aguenta, peoa!
Ela está furibunda com o presente de grego da doce Cacauzinha. Este monstro é o pior de todos e, de certo modo, perigoso para uma pessoa da idade de Geralda, tem escada sem corrimão, ela poderá levar um baita tombo. Adélia fazendo de conta que está adorando ser o disco medonho.
O engraçado é que Adélia não fez aquele escarcéu lacrimoso por ter perdido o anjo. Por que será? Aí, tem. E deve ser babado forte! 
Curiosa a postura de Renan nessa segunda liderança, totalmente apagada, silenciosa, deixando que Tamiel vá se torrando sozinho em suas brilhantes tentativas de cooptar adesão pela pressão e ameaça. Tamiel vai sair queimado demais dessa liderança tipo “comigo ninguém pode”. Estranha a atitude de Renan... Será porque acovardou-se escolheu a imunidade para escapar do confronto com Ana Paula no paredão? Será? Então, onde está aquela farrambamba toda, de galinho de briga dizendo que não tinha medo de enfrentá-la em um paredão. Sei. Sim. Estou acreditando!
Hoje o professor resolveu, pela primeira vez em quase dois meses, dar aulinhas sobre a crise hídrica. Boa a aula. Ele teria tido uma passagem bem mais edificante pelo BBB, se tivesse falado mais sobre ecologia, problemas ambientais e outros temas de interesse para a população. Perdeu tanto tempo fofocando, falando asneiras, jogando falatórios maledicentes e injustos contra Ronan e Ana Paula. Pena mesmo, Professor! 
Só que, agora, corremos o risco de ter aulas intensivas no PPV, pois o cara se entusiasmou com a plateia e já está dando aulas na cozinha. Ronan dando toda a atenção ao que ele diz, fazendo perguntas, incentivando o cara, inclusive dando um show de conhecimento na área. Somente ele teve cacife para trocar ideias com o Doutor em Ecologia, sem dizer asneiras, com conhecimento de causa. É fogo, esse negão de tirar o chapéu! 
Tamiel cometeu um grande engano ao se aproximar do falso Pastor Santo, no início do programa, fazendo dele seu modelo e mentor.  O Professor aloprado achou que El Gatón era “o cara”, assimilou seus “grandes” e “edificantes” exemplos e, como um tonto, adotou um estilo de jogo parecido. Ainda bem que não assimilou a malandragem, a hipocrisia, as jogadas ardilosas. Não o considero um mau caráter, uma pessoa má (como Adélia). Ele não passa de um sujeito pacato, meio songo mongo que está com o monossílabo na mão, ao ponto de borrar as calças de tanto medinho de não conseguir sair ileso no mundinho do BBB, em tudo tão oposto ao seu habitat natural. 

O circo está pegando fogo! Delicinha!




O jogo está danado de bom! É uma delicinha ver como Tamiel ficou elétrico, dinâmico, e... jo-gan-do! É de pasmar o que pode fazer o medinho do paredão! Tamiel, que “não joga” (deusulivre!), fazendo reunião no quarto do líder, com a Fofolete deslumbrada e o Boyzinho pimposo,  para pressioná-los a alinharem com eles para a formação do paredão. 
Para convencer Maria Cláudia, o super Tamiel usa como argumento a acusação de que Ronan o traiu, depois de ter recebido o apoio dele nos tempos difíceis. A resposta da Fofolete foi lembrá-lo que ele fez o mesmo com o curitibano. 
Não esperava ver Maria Cláudia cobrando coerência de Tamiel. A conversa foi sordidamente longe, o pau comendo no lombo de Ronan, ainda na tentativa do líder e de Adélia de convencerem a Fofolete que o curitibano é a pior pessoa do mundo. Ela foi sendo firme na defesa de Ronan. Inclusive dizendo que os quatro líderes foram de acordo com a estratégia de jogo de Ronan, na primeira semana.  
Quanta incoerência! Falaram tanto de Ronan, criticam tanto Ana Paula! Acusam e execram tanto os dois, e agora fazem igual ou pior. Só que não conseguiram manipular o voto da deslumbradinha, e , de quebra, ficaram cientes de que o voto dela será em Tamiel. 
Adoooooro ver a turma rebolando em armações de paredões, bolando milagrosas estratégias (que quase sempre falham), dando tratos à bola para adivinharem o que disse o Big Fone. Quero é ver muita sofrência, muito jogo inteligente (difícil, quase impossível) e apetitosos barracos com montões de “inversão de valores” (está na moda esta expressão). 
Já dei gostosíssimas risadas com as conjecturas que fazem, tentando decifrar o significado das pulseiras de cores diferentes colocadas por Tamiel nos braços de Ana Paula e Ronan, por ordem do Big Fone. 
É um espanto observar como Tamiel, repentinamente, de planta virou um leão de garras à mostra! Só se vendo a ansiosa presteza do bofe, atiçando Matheus para ajudar a formar o paredão, fazendo a cabeça de Geralda para votar em Ronan. O que um poderzinho porqueira como é uma liderança de BBB pode fazer com a cabeça dos fracos! 
Ora, ora, Geralda está decidida a dar o anjo para Ronan ou Ana Paula. A Chaminé ambulante está afim de aderir o grupo das “piorespessoas domundo”, liderado pela maluquete carismática. Ela de boba nada tem! Sabe de que lado está a força! 
A corrida para atender ao Big Fone foi hilária, com Tamiel criando asinhas nas pernas para atender. Só que não mudou nada acerca do paredão, pois já iam mesmo indicar Ana Paula. O que eles não sabem é que o paredão será triplo e que Tamiel é o mais cotado a ir pela casa, inclusive com os votos da Fofolete e do Boyzinho. 
Maria Cláudia foi firme até o fim da reunião de cúpula... Depois que saiu, Tamiel vomitou sua indignação com sua recusa em votar em Ronan. De certo modo, ele tem razão de estar putinho da vida com ela, considerando a tentativa dela e de Matheus de negociarem a liderança, na madrugada da prova. A edição mostrou muito bem o papelão da dupla. O que propunham era ajudarem a meter Ana Paula e Ronan no paredão. Se Tamiel não fosse tão incoerente, indicaria Maria Cláudia ou Matheus.
Não entendo a razão pela qual não indicam a Fofolete, em vez de Munik. Aliás, Renan quase não falou. Quem se comportou como o cabeça dessa segunda liderança foi Tamiel. Paredão nele! Incoerente! Levou um banho de uma garota com idade de ser sua filha! Coisa mais feia! Vamos ver se ele vai mesmo indicar Munik. Coitado! Mal sabe da força das torcidas de Munik e Ana Paula!
Do jeito que Tamiel está eufórico e se sentindo poderoso, duvido que consiga não deixar escapar o que significa as pulseiras nos braços de Ronan e Ana Paula.

26 de fevereiro de 2016

Prova do Líder: Vitória da dupla Renan/Tamiel


Enfim, ganharam a prova do líder Renan e Tamiel. Apesar de não morrer de amores pela dupla, estava torcendo para que ganhassem da dupla insuportável, especialmente depois do papelão que fizeram na prova, tentando conchavo desonesto com Tamiel e Renan. 
Durante a prova do líder, nesta a Fofolete deslumbrada e o boyzinho chatinho tiveram a ousadia de dizerem a Renan e Tamiel que caso a dupla vencesse a prova do líder, o cenário seria muito semelhante ao da última semana, que terminou com Juliana eliminada do "BBB16"
"Vocês não acham que se forem líderes novamente será dois votos a menos? [em Ana Paula ou Ronan, os principais rivais da dupla]. Se eu e Cacau formos líderes, por mim, a gente indicaria Ronan", contou Matheus. O mineiro lembrou que com o estudante de filosofia indicado pelos líderes, Renan, Tamiel e Adélia poderiam votar em Ana Paula, por exemplo. "Em caso de empate, os líderes desempatam", completou engenheiro eletricista, sugerindo que desempatariam a favor dos dois finalistas. 
Matheus fez questão de dizer que não iniciou a conversa com a intenção de fazê-los desistir da prova do líder. "Não estamos falando por mal, mas só para alertar vocês (muita presunção deste babaquinha sem noção). Achei que talvez, vocês não tenham pensado nisso", concluiu o mineiro. O carinha lembrou também os líderes não disputam a prova do Anjo, assim eles não teriam como conquistar a chance de poder imunizar alguém próximo, como Adélia. 
Tamiel não gostou da conversa e disse a Renan: "Eles dizem que estão pensando na Adélia, mas no Tami ninguém pensa. Se eu não estiver imune, tenho três votos e estou no paredão", observou o professor de ecologia se referindo aos votos de Ana Paula, Ronan e Dona Geralda. "Ainda tem a Pequi", continuou o goiano. "Como eles têm coragem de falar um negócio desse para a gente?", disse o professor em tom de indignação.

LEIA MAIS, clicando na frase abaixo

Prova de líder super previsível!


Pela segunda semana consecutiva, os participantes estão enfrentando uma prova de resistência para garantir a sexta liderança do "BBB16". A disputa teve início no programa ao vivo desta quinta-feira (25). Novamente, a liderança da próxima semana será compartilhada por duas pessoas. 
Ana Paula é a única a não participar da prova, por ter sido vetada pelos líderes. Por deterem o 'Poder do Não', os líderes Tamiel e Renan tiveram de vetar a participação de um colega. Por isso, a mineira não pôde competir pela liderança.
Novamente, a prova foi realizada em duplas: Ronan ficou com Munik, Matheus com Cacau, Renan com Tamiel e Adélia com Geralda.
As duplas deveriam permanecer dentro de um carro, já que a prova foi patrocinada por uma fabricante de automóveis (Fiat). Era preciso estar atento às duas tarefas que precisavam cumpridas: carregar e descarregar a caçamba do carro com objetos ou ocupar o carro ao lado, no sentido horário. Se algo ficasse do lado de fora do porta-malas ou do limite traçado no chão, a dupla seria eliminada. Caso não conseguisse cumprir as tarefas a tempo, a dupla também deixaria a disputa.
Um sinal visual determinava quais eram as obrigações a serem cumpridas e um aviso sonoro avisava quando o tempo do cronômetro fosse encerrado. Não era permitido dormir ou urinar durante a disputa.
Antes de completar uma hora de prova, a dupla Adélia/Geralda foi eliminada por uma falta cometida pema Chaminé ambulante. A segunda dupla a desistir, como eu previa, foi Ronan/Munik.
Permanecem na disputa as duplas Matheus/Fofolete e Renan/Tamiel. Quem vai vencer? Acho que a dupla que desmaiar, hehehehehehe. Todavia, se dependesse da minha torcida, ganharia Renan/Tamiel.
Gente, seria um porre "dus cãos" ter que suportar a deslumbrada do agreste e o boyzinho saltitante, com suas vozes estridentes e as doses paquidérmicas de besteirol durante uma semana de "amostrâncias", de imitações da "radio" criada pelos participantes do BBB8... Esses dois não me descem, nem na marra. Prefiro que continuem o modelete topetudo e o professor aloprado, mesmo que tenha de aturar a Rambo de saias -Adélia- metida no quarto ensaiando estratégias super cerebrais, que nunca dão certo, ou dando aulinhas de kung full, box e macheza para Renan bunitin.
Matheus/Fofolete, nem venceram a prova e já estão tentando fazer acordo com Renan/Tamiel, para eles desistirem da prova. A argumentação típica de falseanes é que com eles será mais fácil meter Ana no paredão com Ronan.
Genteeee... Matheus e Maria Cláudia perdendo a máscara de bonzinhos, queridinhos e fofinhos, que amam a todos. Estão vendendo a alma ao diabo por um automóvel! Que ganância mais amolestada!
Estão propondo um acordo com Renan e Tamiel, para estes desistirem de continuar na prova em troca de não serem votados pela liderança Catheus. Além de indicarem Ronan para a casa ir em Ana Paula. A Fofolete argumentou que Renan e Tamiel na liderança não vão poder salvar Adélia do paredão, pois estarão em minoria, especialmente porque o grupo deles ficará com dois votos a menos na casa. Esta poderá mandar Adélia ou Tamiel. A sonsa sabe assediar e jogar com o emocional dos dois concorrentes. É a Cacauzinha fofinha se revelando... Aêêê, beijim no ombro para a ganância e a falsidade passarem longe!  Vixe! Está feio demais testemunhar a ganância deles pelo carro, a proposta indecente. Que coisa mais feia!
A fofolete mudou até a voz para propor o acordo... Espia, genteeee, como a meninha fofoletinha e saltitante, a que tem a vozinha tatibitate e melosinha de bebezinha, tão ingenuazinha e fragilzinha... Meo Deos, como era tudo pura encenação, personagem bem montadinha, para se dar bem na fita! Abomino este xarope do agreste... Caipirosca deslumbrada...
A Fofolete concordou inclusive em votar na Ana caso desse empate com Adélia. Matheus propôs o acordo e, se aceito, eles indicariam Ronan, deixando a indicação de Ana para a casa, com os dois reforçando a votação. Podres!
Genteee, vai vendo: convencer o outro a desistir da prova, pode até ser válido, mas fazer acordo, propondo como moeda de troca meter dois amigos no paredão, é simplesmente abominável
Já vi este filme antes, no BBB8. Combinaram entregar a prova para outro grupo, a proposta foi aceita, mas Boninho desclassificou os dois lados do acordo e deu a vitória ao que desistiu antes deles.
Maria Cláudia e Matheus, quando decidem sair de cima do muro, é para montar paredão entre amigos. Os dois toparem formar o paredão Ana Paula/Ronan é muita falta de integridade moral. Para quem finge amizade com os dois lados da força, montar paredão entre amigos é atitude de gente sem nenhum escrúpulo, facilmente corruptível e venal! Está deprimente assistir essa canalhice da Fofolete e seu arremedo de ficante, doido para pegar a liderança e ficar com o carro. É muito constrangedor ver este tipo de coisa, especialmente, por partir de jovens, destituídos de dignidade, de caráter e respeito por si mesmos.
Renan e Tamiel foram muito mais decentes. Souberam resistir às investidas podres da dupla podrura e não aceitaram a proposta. Se bem que foi mais pelo cagaço de Tamiel, querendo a imunidade para se safar do paredão.
Talvez Renan cedesse, mas Tamiel está disposto a dar o sangue para vencer a prova, argumentando, com seu português super culto e acadêmico: "quero ganhar, véi. Quero a imunidade, véi, senão eles vem ni mim, véi. Tô pensano ni mim, véi, sinão tô fudido, véi". 
É isso aí, véi. Segura a liderança, véi! A deslumbradinha emcimamurista e o X9 pimposinho e chatin que fiquem chupando os dedin! Adoooooro! 
Esta prova parece ter sido criada para equilibrar os grupos, pois, desde a prova anterior, ficou bem evidente que os que têm cacife para vencerem provas de resistência são as duplas que ainda estão na disputa. Se ganhassem Ronan e Munik, o grupo de Ana ficaria muito fortalecido, especialmente por ter chance de cooptar os votos do X9 e da Fofolete emcimamurista. Ainda não é conveniente que Renan saia da casa. Ele é o único que peita Ana Paula. Sem ele na casa, o jogo perde o antagonista da encapetada. Não dá, certo?
Se Matheus e Fofolete ganharem esta liderança, vão sair dela queimadíssimos.
Depois de ter sido eliminada da prova, Adélia ficou no bate-papo com Ana Paula, como se fossem as mais íntimas amiguinhas de infância. Adélia só tem gogó. Está se pelando de medinho de provocar a espalha brasas. Muita farofa é sinal de pouca carne! Acontece que ela sabe que se Renan e Tamiel vencerem a prova, ela será voto certo pela casa. Logo, precisa começar a política de lambe botas para evitar isto. 

25 de fevereiro de 2016

Art voltou e disse: OLHA ELAAA!



Art, o super inteligente blogueiro do blog Artigolândia está de volta com mais uma das suas estupendas postagens. Vale a pena dar uma passadinha lá, para conhecer o espaço incrível, ler seus textos impecáveis, suas análises do BBB16, e conhecer a turma de comentaristas super simpática, divertida e educadíssima. Quem o visita uma vez, não consegue mais deixar de frequentá-lo, vira vício mesmo.  Para estimulá-los a acompanhar o Artigolândia, transcrevi aqui o texto publicado hoje. 
 que assinala o retorno do blogueiro.  O título da postagem é: OLHA ELAAAA! 

"É uma raridade, e uma preciosidade. Um resgate da anti-poesia perdida. Uma oportunidade. "Ela", é uma daquelas anomalias agradáveis e desagradáveis que fazem toda a diferença. O que existe de mais difícil nesse programa, é fazer o que ela faz, e não cair. É somar uma torcida maior que a rejeição. É chegar perto, que eu lembre uma das raras vezes, do recorde dos recordes de reality show no mundo. Ainda é dele, os 155 milhões. Mas quebrar a barreira dos 100, é para pouquíssimos. Há de se respeitar. E muito. Olha ela! Ela fez. Resgatou um morto pela perna. Pelo pé. Pelo dedão do pé! Daquelas viradas de jogo fenomenais. Raríssimas. Um quebra de paradigma. Quantas vezes alguém esteve no inferno, só esperando a próxima indicação para dar adeus, e escapou desse purgatório, como Ronan fez? Então, não foi ele que fez, ele é um simples coadjuvante, dela. Quem fez, foi ela. Olha ela!"

"O medo sempre anda de mãos dadas com o lado negro da força. O medo, que vira raiva, que vira um monte de coisa e te leva pro outro lado de lá. Medo ausente nela. O descompromisso com o medo, o descompromisso com necessidade nenhuma. Uma super auto estima, uma personalidade explosiva e um belo percentual de QI são alguns dos complexos ingredientes que deixam ela tão poderosa lá dentro. Ela explode, bate, arrebenta, derruba a casa, mas ainda assim consegue ir lá na maior cara lavada e dizer:Vamos nos ligar, quero ir num show. Quando ela deveria dizer: E aí, Jú, aprendeu? Viu como se faz? Gostou do show? E fazer isso com a parte mais difícil de todas: Parecia falar de verdade. Provavelmente vai fazer isso mesmo, ligar, e ir no show. Porque não há medo, não há receio, não há fragilidade. Olha ela! É um fenômeno, sem dúvida, e com muito talento. Já caiu um paz e amor, frente a um zumbi desenterrado do limbo, que venceu só por estar... Ao lado dela. Olha Ela! Já desmascarou de forma obscena, ridícula e escancarada, um meditador raivoso e rasteiro. Né Tami? Quanta hipocrisia jogada na lama pela provocação fulminante de um B52 com apoio popular. Olha ela! Também caiu a sutileza de uma profissional da arte jurídica, com o dom de fazer com a mão dos outros. Mostrou-se toda, aos murros sem sussurros, Adélia. Boa noite, pra quem aguarda a primeira indicação. Olha ela! Quem diria, que a turma paz e amor tentasse o que nunca antes da história desse país, um grupo jamais imaginou tentar: Armar uma desclassificação por agressão. Que desespero. Que medo. O lado negro da força, e o medo. Dela. Olha ela! E ela avisou. Chamou. Bateu na porta e invadiu o quarto avisando a todos: Olha ela! Ninguém acreditou. Mas ela avisou!"

"Vitória, quem sabe? Nem precisa. É a marca já registrada. O 16 é dela, pertence a ela, só dela sem pipocas nem guaraná. Poucos conseguiram fazer uma edição explodir sem um grande antagonista. Nem o Rei Dourado conseguiu isso. Ela está conseguindo. Vem um, depois outro, mais outro, vai alternando, e é tudo com ela. A rainha da edição.Olha ela! E mais. Ela nem se importa tanto, nem precisa. Se ganhar melhor, senão, partiu pro show, curtiu, viveu, falou o que queria, deu de ombros ao que não queria. Sacudiu, mas não abalou. Um fenômeno. Olha Ela! Derrubar um, dois, três, depenar um, sucumbir dois, conquistar um doce (e muito, mas muito esperto) olhar de Munik. É tudo com ela, o 16 dela. O protagonista e o antagonista dela mesma. Ela é a vitória, e a própria derrota. Porque não mede a mão. Não precisa, não se importa, é a falta de medo, é o descompromisso com o compromisso. A única coisa que arranharia o 16, é um paredão dela com Munik. Todo o resto é bobagem, besteira, passageiro e desnecessário. A cara do 16, é ela, seu descompromisso com tudo e mais um pouco, a coragem completamente louca de quem ignora o medo de tudo e todos, mas o toque doce fica por conta da parceira esperta, inteligente e querida de todas as horas. Munik é o tempero dela. O equilíbrio da força. Ah sim, o engomadinho que grita e cresce pra cima de meninas. Dessa água já vimos tantas, e o destino é tão conhecido, quem nem vale perder mais de duas linhas. Passagem comprada. O 16, o melhor desde o fenomenal e insuperável 10, é todo dela. É, ela. Olha ela!"

Autor: Art (Rico)
Fonte: Artigolândia.  www.artigolandia.com.br

 ANA E PAULA DOMINAM O BIG BROTHER BRASIL E AS REDES SOCIAIS

O público já criou mais uma divertida forma de se referir a Ana Paula, afinal, dizem que ela vale por duas dentro do reality.

Na manhã desta quinta-feira (25), um dos assuntos mais comentados do Twitter era "Ana e Paula", mostrando que uma das participantes mais polêmicas do Big Brother Brasil vale por duas.
Ana Paula parece que é ligada no 220 e está o tempo todo pronta para a luta. Começou a guerra em uma batalha contra Laércio e venceu. Depois chegou o momento de duelar com Juliana e venceu de novo.
Para terror dos adversários ela teve o poderde ser eliminada e voltou para a casa, contando ainda com informações privilegiadas e imunidade no primeiro paredão a ser formado.
Tudo isto seria extremamente desgastante para qualquer outra pessoa, mas para Ana Paula parece que tudo isto serve é como combustível, como fonte de energia e a cada bate boca, a cada paredão, a cada discussão ela parece que fica mais revigorada, como se tivesse descansado por uma semana e não enfrentado um grande problema.
Ela é criticada por ter uma vida de rainha, ser "Patricinha", mas dentro do reality mostra que tem garra, atitude, determinação e é incansável.
Por isto e muito mais ela conquistou uma legião de fãs aqui fora e tornou-se favorita a ficar com o prêmio de R$ 1,5 milhão. Se bem que ela já conquistou o posto de participante inesquecível de todas as edições do Big Brother Brasil.

Fonte: GSHOW BBB16

Barracos bafônicos na festinha da uva!


Os planos maquiavélicos do Professor Doutor para conseguir a expulsão de Ana Paula, após ser provocada por Renan até a loura perder as estribeiras e meter-lhe a mão na cara, ruiram fragorosamente. O barraco aconteceu e foi bafônico, só que em outro momento, antes da festa, sem o álcool ajudando-os a derrubarem a Diva das redes sociais. E, como se deu esse furibundante embate entre Renan e Ana Paula? Vou contar. 
Renan e Ana Paula, não atino por qual razão, estavam sentados na mesa de refeições com os outros participantes, como se fossem dois amiguinhos de infância. Só sei que, de repente, a encrenqueira loura encapetou-se e alfinetou o modelete esquentadinho, cumprindo o que prometera fazer, no dia do paredão. "-Eu não sei nem se vou para a Final. Você sabe?" , perguntou ao fofinho topetudo. 
"-Não tenho bola de cristal para adivinhar as coisas. você já tem, né?. Retrucou  o bunitn. na chincha
Aos gritos, a capetinha loura replicou, sem pestanejar: 
"-Mas eu falei que ia voltar do Paredão, não falei?". 
Vixe, o lindinho não gostou dessa deixa da menina veneno e mandou de volta: 
"-Parabéns! Vamos ver se você continua". Afff, essa foi muita audácia do bofe, a encapetadinha, com sangue nos zóios, perguntou se ele tem coragem de ir com ela à berlinda do jogo. Danou-se! Bateu no ponto fraco do fofildinho, que subiu no salto: 
"-Tenho. Senão não ia entrar aqui. Você acha que eu entrei à toa aqui? Então não me enche o saco". 
O clima esquentou de vez. A loura começou a elevar a voz: "-Eu vou encher o saco o quanto eu quiser porque a vida é minha e faço o que bem entendo. E tem dado certo", redarguiu a mineira, quase histérica.. 
Provocado, o valente e audaz cavalheiro mandou esta: 
"-Você precisa de pessoas para poder aparecer. Você sozinha não se destaca". 
Ana Paula chama o modelo de "amor" e ele não gosta: "Não me chama de amor, não sou seu amor". 
A loura rebate: "-Chamo do jeito que eu quiser. Pra mim você é um nadinha". 
Ele, então, chama a jornalista de arrogante. 
"-Por que será que voltei de três paredões?", ela questiona. 
Ele diz que o público gosta de barraco. 
"-Você está desmerecendo o público do programa? E você acha que um atorzinho vai ficar? O seu papel aqui é de ator. Fica o tempo todo olhando para as câmeras". O bate-boca só se encerrou quando o modelete se retirou, soltando fumaça pelas ventas. Ainda foram trocadas outros desaforos, Ana Paula chamou o rapaz de "merdinha".
Foi bonito o bate-boca dos dois? Não, não foi. Desta vez, foi Ana Paula que iniciou as provocações. Poderia ter evitado, ficado na dela, comportando-se com o mesmo comedimento que conseguiu ter na noite da eliminação. Todavia, se não tivesse ocorrido antes da festa, decerto teria explodido depois das bebedeiras, como estava sendo planejado pelos líderes e Adélia.
Adélia que viu tudo, resolveu dar pitaco no que não era da sua conta, e Ana Paula a colocou no seu devido lugar. 
Depois da discussão de Renan e Ana Paula, Adélia resolveu fazer sua ceninha de tragédia grega mal ensaiada para atiçar o modelito a defendê-la, contando, de forma completamente deturpada o rápido e sem gravidade incidente com Ana Paula. No quarto amarelo, ela falou para Maria Cláudia, Matheus e Renan que a mineira falou coisas ofensivas e humilhantes para ela no corredor e começou o estardalhaço de choro entremeado de imprecações de ódio e ameaças dantescas contra Ana Paula. Acreditando piamente na historinha mentirosa da advogada, Renan criticou Ana Paula: "Ela vai fazer um inferno aqui dentro sempre".

LEIA MAIS, clicando na frase abaixo.

24 de fevereiro de 2016

Que nojooooo! Urrgh!

Hoje, no fim da tarde, Tamiel deixou-me ver o quanto está longe de ser o cara íntegro, ético, sensato e bondoso que eu julgava que era. Que decepção! O professor nivelou-se a Adélia e ficou bem abaixo de Renan ao instigar o modelete a aproveitar as bebedeiras da festa de hoje para provocar a ira e a fúria de Ana Paula, ao ponto de ser agredido fisicamente por ela. É de pasmar! Só acreditei no que ouvia e via porque estava testemunhando a cena sórdida. 
Os três patetas estavam reunidos no quarto dos líderes, planejando uma forma de desequilibrar Ana Paula. Adélia sugeriu que, na esta desta quarta-feira, Renan esperasse a jornalista ficar bêbada para levá-la a expulsão do reality. Tamiel disse “é só o você alfinetá-la e esperar que ela fique nervosa e parta para a briga. Será fácil tirá-la do sério: É só você encará-la e encostar seu nariz no dela, dizendo as palavrinhas certas. Com certeza absoluta ela vai te dar um tapa", disse o goiano para Renan, somando às palavras a demonstração de como deveria fazer, se achegando ao modelete, encostando o rosto no dele, ensinando toda a manha que deveria investir no gesto provocativo. Belezinha, né mesmo? Que Professor Doutor porreta! Que dignidade! Que estupenda integridade de caráter! Ensinar canalhice, desrespeito e covardia com uma mulher a um rapaz que, decerto, tem a mesma idade dos seus alunos na UNB! Que patife descarado! E eu ainda o hesitava em riscá-lo da minha listinha de favoritos. Agora, nem no banco de reserva o quero mais. Vade retro!
Mas, esperar o que de um professor universitário, com doutorado, que fala um português tão execrável, com vícios de linguagem e de expressão infames, com bordoadas na gramática, na concordância verbal e nominal, além de substituir pontos e vírgulas por palavrões do mais baixo nível. É de arrepiar ouvi-lo abusando de expressões como “véi” a cada frase que enuncia, ou “tô cagado”, “tô fudido”, pqp, “porra” e outras baixarias típicas de pessoas incultas, inadmissíveis no vocabulário de um Professor Doutor. 
Enfim, era o ético Taniel quem orquestrava a bandalheira que deveria ser feita contra Ana Paula logo mais, na festa. 
Adélia, a incoerente advogada que faz a apologia do assassinado de marido adúltero e defende o crime contra namorado infiel apoiou, empolgada, a ideia do professor, afirmando que não seria difícil conseguir fazer com que Ana Paula explodisse. Renan não gostou da ideia de voltar a discutir com Ana Paula, não queria mudar sua tática de jogo. 
Adélia o atalhou, dizendo: "Se eu tiver que morrer, vou morrer atirando. Agora entendi a tática de guerrilha da qual eles tanto falam". A advogada disse acreditar que ela acordou para a realidade na casa após a eliminação da dançarina. Para Adélia e o Pastor Santo, e Juliana a estariam aplaudindo fora do reality. 
Após Adélia deixar o quarto, Renan confessou para Tamiel que não estava tão disposto a mudar seu comportamento na casa. "Cheguei até aqui, a minha melhor amiga saiu e eu vou mudar agora", lamentou o modelo? Vai vendo: Renan resistindo às doutrinações nojentas dos dois parceiros, revelando-se bem melhor que esses dois inescrupulosos, bem mais velhos que ele. 
Tamiel disse entender, mas lembrou ao amigo que é preciso mudar de postura. "O ambiente muda e a gente tem que mudar também", opinou o goiano. Vai vendo a tática de convencimento do bofe... 
Tamiel também se posicionou. "Se um de nós for líder, tem que vetar a Dona Geralda e a Pequizinha, não tem essa de Pequizinha", disse o professor de ecologia, olhando para Renan. 
O modelo respondeu aos colegas de confinamento: "Então vamos lá, agora somos nós três". "Vamos fazer assim, amanhã depois da prova [do líder] a gente senta e conversa", continuou Renan. O modelo disse se sentir culpado pela eliminação da amiga. 
Adélia, em mais um ataque de achismo idiota, disse que Ana Paula se preparou para o confinamento. "Acho que ela se preparou para entrar aqui, tanto na questão do telemarketing como nas estratégias de voto", opinou a visionária delirante, sugerindo que o pai da jornalista teria contrato uma central de telemarketing para votar a favor da filha. 
Renan, Adélia e Tamiel chegaram à brilhante conclusão de que combinar votos pode ser necessário, como se nunca tivessem combinado nada. Claro que estavam falando para fora da casa, mais que um para o outro. Como são muito rasteirinhos não se dão conta que se afundam cada vez mais. 
"Já saíram dois que pensavam como nós", observou a advogada. "O negócio é conseguir colocar dois deles. Ana Paula e Ronan seria ótimo, agora [o paredão] não é mais fake", completou Adélia. Que gente limitada! Leitura do jogo nota zero!

O levinho dia seguinte...



Comentando a disputa entre Ana Paula e Juliana, no quinto paredão do "BBB16", Maurício Stycer chamou a atenção para dois dos seus aspectos mais marcantes: “Foi o confronto que atraiu maior número de votos desta edição (103 milhões) e, também, o que marcou a estreia do novo sistema de votação do programa, agora baseado em um critério regional. 
Ao determinar que cada região do país equivale a um ponto, a Globo claramente abriu a porta para possíveis distorções e resultados injustos. O novo sistema dá peso igual a números de espectadores muito diferentes, o que pode resultar na eliminação de um candidato com menos votos do que o vencedor. 
Tão grande quanto a ansiedade para saber quem continuaria no programa, por isso, era a expectativa para ver se o resultado poderia apontar para uma distorção. Não foi o que aconteceu, já que Juliana perdeu nas cinco regiões do país, bem como no total de votos por SMS e telefone. [...] 
Os participantes não fazem ideia que o sistema de votação mudou, mas o público foi contemplado com um quadro, didático, na tela, informando o percentual obtido por Juliana em cada região e na votação por SMS.” 
Juliana poderia ter tido uma historinha menos pífia em sua passagem pelo BBB16. O que a levou ao caminho da eliminação, como poderá levar Tamiel, Renan e Adélia, foi terem se aliado a Daniel. Este, que insistia em dizer que não fazia personagem no jogo, encantou-se com Laércio e sua meditação ridícula, adotou a pseudofilosofia zen do barba azul e, em seguida, passou a mesma baboseira para Tamiel, Juliana, Adélia e Renan, estragando os quatro com sua prosápia sem noção. Este foi o início da derrocada da Macholândia e sua política de meditadores que pegaram carona na santarrice de Laércio.
Ontem, vimos um supimposo, inoxidável e acachapante balde de gelo na fervente arrogância do trio sobrevivente, deixando a todos com a crista baixa, perdidos e sem compreenderem a preferência do público pela “pior pessoa do mundo”. E, haja chorarem as pitangas! Hajam as especulações metafísicas, as resas para “Papai do Céu (Adélia), além de lágrimas crocodilesca de quem sabe que só fez burrada, que errou em verso e prosa o texto mal decorado de suas inconsistentes personagens. 
Ana Paula deu um belo espetáculo de tranquilidade e, contra todas as espectativas dos seus detratores, dentro e fora do programa, mostrou o quanto domina, com classe, dignidade e civilidade, a difícil arte de saber ganhar, sem tripudiar a perdedora e seu grupinho, respeitando seus sentimentos, renunciando a qualquer manifestação de regosijo triunfante. Go Ana! Go! 
Gente, como diz Susan (do @DeCaraPraLua) “o BBB16 não é política. Venceu o E-N-T-R-E-T-E-N-I-M-E-N-T-O! Ok, Braseeeeel?  Ali ninguém representa nada apenas nos divertem... Preguiça eterna desse papo de comparar votação em BBB com situação política do Brasil.” 
Pois é, foi muito bacana participar da campanha twitteira a favor de Ana Paula. Era muito entusiasmo, empolgação e alegria. Há anos eu não sentia tão eletrizante energia em um BBB. Os multirões eram de arrepiar. Ana Paula venceu de lavada, em todas as regiões e no sms + telefone. 
E o que foi o coro nas arquibancadas gritando: ”OLHA ELAAAAAA!”

LEIA MAIS, clicando na frase abaixo

23 de fevereiro de 2016

OLHA ELAAAAAAAAAA! OLHA ELAAAAAAAA!


OLHA ELAAAAAAAAA! 


Valeu, twitteiros! Valeu, Susan Mello! Vitória retumbante de Ana Paula, conquistada pela união das torcidas da loura endiabrada. 



JOGO QUE SEGUE... VAMOS nos divertir, trollar, rir muito, com leveza, sem estresse, sem fazer de um programa, que não passa de mero entretenimento, motivo para desgaste emocional.


Ana é sua própria Ana (By Susan Mello)




Ana não é perfeita e nem tenta nos convencer de que seja. Talvez essa seja uma das suas grandes qualidades, além do fato de se jogar por inteira no jogo. Com ela não existe meio termo, não existe o morno e nem o frio. É calor absoluto da paixão. E esse é o grande calcanhar de Aquilles daqueles que a combatem porque querem fazê-lo se escondendo pelos cantos, tramando um jogo miúdo que prima mais pelas palavras do que por atos que os façam crescer aos olhos do público. Eu sei que o paredão desta semana não é nada fácil, mas Ana não briga nesse paredão com uma adversária que tenha feito uma bela trajetória ou se afirmado como protagonista no jogo. Ana briga com ela mesma, briga com a rejeição que construiu por ser tão intensa.
O embate que temos é se a onda de aceitação de seu jogo chegou num ponto que a sustente na casa e a faça seguir adiante. Existem muitos indícios que sim, o bordão do “olha elaaaaaa” que virou moda, sua torcida que cresceu muito desde seu primeiro paredão, os hits de funk e forró feitos em sua homenagem. Ana virou onda crescente, rumo ao alto, enquanto seus adversários se recolheram num jogo pequeno e sem expressão. Para combater Ana, Juliana e Cia escolheram o jogo das palavras, a tentativa de convencimento do público pelo discurso e isso os coloca numa posição extremamente contraditória. Porque fazem o mesmo que acham que Ana faz, mas tentam convencer o público que não o fazem de maneira nenhuma.

LEIA MAIS, clicando na frase abaixo.

22 de fevereiro de 2016

Ana Paula: nem Musa, nem Medusa...


Gente, li esse texto excelente, escrito por Maurício Stycer, e o colei aqui, para que o apreciem. Vai vendo como ele enxerga bem o componente sedutor da personalidade da loura endiabrada.

“Melhor personagem de um "BBB" em muito tempo, Ana Paula conquistou um enorme fã-clube em razão da forma audaciosa como enfrenta os adversários e também os aliados dentro da casa. 
Corajosa, encara todos, homens e mulheres, de igual para igual. Rápida no gatilho e desbocada, diz "verdades" e reproduz preconceitos como se estivesse batendo boca nas redes sociais. Neste domingo (21), por exemplo, chamou Renan de "fofa" e disse que ele tem "dentes de porcelana". 
Ao defender a sua permanência na casa, Ana Paula tentou convencer o público que está sendo autêntica no programa: "Isso aqui não é novela, é reality show". Poucos segundos depois, ainda pedindo votos, começou a chorar. 
Dramática, Ana Paula é uma ótima personagem para um programa como este. Faz caras e bocas notáveis enquanto os adversários falam e sabe ser debochada ao responder. Atua como "vingadora" e, para os que a enxergam como encarnação do "bem", está ao lado de personagens como a Nina de "Avenida Brasil" ou a Emily Thorne de "Revenge". 
A jornalista mineira é uma garantia de entretenimento permanente. Não decepciona nem quem está encantado com seu jeito nem os que a odeiam.” 

É isso aí, mesmo os que a detestam, não conseguem deixar de falar nela, falando bem ou espinafrando, é dela que falam. E a esta irresitibilidade dá-se o nome de Carisma.
 Pois, pois: Carisma, seu nome é Ana Paula, uma indiabrada loura, às vezes detestável, outras vezes tão querida, engraçada e loucona... Um gênio dos demônios, um coração de ouro. Humaníssima com sua enorme bagagem de defeitos e de qualidades.  Musa ou Medusa?  Difícil definição! Talvez não seja  nem uma coisa nem a outra, ou será ambas as coisas? Quem sabe? 

Se não estivéssemos tão acostumados com participantes de BBB mascaradas, farsantes, personagens de si mesmos, cheios de inverdades, destituídos de transparência, não estaríamos estranhando tanto as singularidades de Ana Paula.

Gente! Votando!!
#TeamLoucaVarridaForever


Atenção. Quem estiver com dificuldades para votar para Ana Paula ficar, de acordo com o novo sistema, poderá visitar o twitter de Susan (DCPL). Lá a animação está bombando, é uma festa, com multirões super organizados, explicações sobre o sistema de votação, além de contarem com a simpatia e a boa recepção de Susan. 
@DeCaraPraLua

                
Gente! Votando!!
#TeamLoucaVarridaForever

Eita, paredão bão!

Logo após o fim da votação que colocou Ana Paula e Juliana no paredão, Renan e Ana Paula voltaram a trocar ofensas, na madrugada desta segunda-feira (22). A discussão teve seu ponto de partida com a justificativa que Renan, líder da semana junto com Tamiel, deu ao indicar a jornalista para a berlinda por problemas de convivência. "Ela chegou a me chamar de lixo", disse o modelo ao apresentador Pedro Bial. 
Assim que foi encerrada a transmissão ao vivo, Renan, sabendo que Ana Paula é explosiva e que deveria estar com os nervos à flor da pele, pela tensão do paredão, foi provocá-la, dizendo que ela estava no paredão por que dava motivos para isso. Como de costume a mineira não ficou na defensiva e mandou a merecida resposta para o bunitin valentinho. "Você é um atorzinho de merda com dente de porcelana. Quero ir no paredão com você, Fofa!”, gritou a emparedada. Irritado, Renan também não poupou ofensas. "Patricinha, riquinha, se eu sair eu trabalho eu tenho uma vida lá fora", disse o brother pobrinho em argumentos mais adultos. Meu Deos quanta asneira diz esse rapaz, que atitude infantil, o despeito salta a olhos vistos. Ser rica agora virou defeito, ofensa e motivo para indicação ao paredão. Que mentalidade tacanha... 
Depois da briga, Renan foi para o quarto amarelo conversar com Juliana e Adélia, ainda soltando fumaça pelas ventas. "Você tem uma resiliência muito grande, porque se ela me atacasse desse jeito eu esfregava a cara dela no chão", disse Adélia. Diante da afirmação da advogada Renan fez questão de dizer que nunca encostaria um dedo em ninguém da casa.
Vai vendo o nível de Adélia, sua vocação para a violência e a baixaria, já verbalizadas antes, quando defendeu uma fulana que assassinou o marido, esquartejou-o e meteu seus pedaços numa mala, acrescentando que se fosse traída pelo namorado, cortava-lhe o membro. Por causa disto foi chamada ao confessionário e levou uma advertência. Pelo visto já esqueceu os avisos recebidos e volta a fomentar a violência, agora dentro da casa. Esta é a advogada que entrou para o BBB16. Um primor de sensatez e coerência! 
A poucos minutos da formação do quinto paredão do "BBB16", quase Renan voltava atrás em sua decisão de indicar Ana Paula direto para a berlinda pensando em proteger Juliana. 
Tudo começou quando a ardilosa Adélia sugeriu que Renan e Tamiel indicassem Munik no lugar da mineira, para evitar que Juliana se tornasse o alvo do grupo liderado por Ana Paula. "Eu indicaria a Pequi e a casa iria na Ana. Eu adoro a Pequi, mas ela votaria em mim, em você, no Renan, se fosse para salvar a Ana ou o Ronan. Ela adora a Pequi, imagine se não adorasse. Ó mulher falsa! Perigosamente manipuladora e fria. 
Em seguida, partiu para a cobrança a Tamiel: “ quando você precisou, Tamiel, nós ajudamos você. Agora a Jú está na reta", disse a advogada, indicando que a dupla de líderes deveria proteger Juliana. Vai vendo a periculosidade de Adélia, cobrando favores e pressionando os líderes, principalmente Tamiel. Essa criatura pode falar do que fez Ronan na primeira semana? 
Os dois, por alguns momentos ficaram inseguros, sem firmeza, pareciam duas baratas tontas com as certezas abaladas. 
Ao ouvir a estratégia de Adélia, a dupla de líderes se viu diante da contradição entre proteger uma amiga (Juliana) ou indicar uma pessoa sem motivo algum (Munik), 
"Eu nem sei justificar se fosse indicar na Pequi", respondeu Tamiel. Concordando com o professor de Ecologia, Renan declarou: "Se eu votar na Pequi, vou ser contraditório com o que eu penso. Mas eu também estou com medo que a Jú vá [para o paredão]. Então eu peço que vocês votem em mim. Não acho certo votar na Pequi. Mas também não quero prejudicar a Juliana". "Eu falei muitas vezes que se eu fosse para o paredão com Ana Paula e saísse, eu sairia em paz", lembrou o modelo. 
Tamiel apoiou o amigo a se voluntariar para encarar o paredão: "Acho lógico, você ir com ela". Juliana, porém, mostrou-se indignada com a sugestão de Renan: "Não muda nada você ir [para o paredão] no meu lugar. Se o público gostar de mim, vai gostar de você também. Nós somos parceiros! Tanto faz quem vai para o paredão com ela". "Só que eles tiveram uma briga feia", argumentou Tamiel. "Eu nunca vou votar em você. Você é a minha última opção de voto aqui dentro", disse Juliana, encerrando o assunto. 
Genteeee, que horror!! Baixaria medonha da bruaca!!! Que atitude sórdida de Adélia fazendo pressão e cobrando postura do Tamiel, dizendo que quando ele precisou elas votaram para salvá-lo e agora devem colocar a Munik. Estou passada! Nossa... Esta mulher é muito baixa, chega a ser cruel... Ninguém tem nada que falar contra Munik, então para proteger a Juliana vale tudo, hein? 
A sorte é que, enquanto Adélia se revela uma pessoa fria e sem escrúpulos, Renan mostra que tem caráter e boa índole. Voltou ao seu propósito inicial e indicou Ana Paula. 
Cacauó já não engana à Geraldão e Ana Paula. Ambas já sabem que ela não se compromete mesmo, se faz de neutra, mas é X9, sonsa e dissimulada. Geraldão já tem a ceteza que é votada por ela, como sabem que ela não é confiável. 
Se Ana Paula voltar, virá com todo o gás... Eita, programinha bão! 
A casa está definitivamente rachada. Veio um cooler com bebidas, mas estão dois grupos bebericando, bem distante um do outro. Geraldão e Matheus bebendo com a turma de Juliana.
Ronan, Ana Paula, Munik e a X9 Cacauó no grupo adversário. Que situação!