[Valid Atom 1.0] [Valid RSS] Rabiscos de Eva: Que virada porreta!

20 de fevereiro de 2016

Que virada porreta!

    

Ó, toquem as trombetas os serafins, que o Anjo da semana é a Deaba Ana Paula. Não podia ser melhor: A capeta com o anjo, Ronan imunizado, paredão com os dois estrafegado e o Monstro dado com muito gosto para Juliana e para o líder poderoso e justiceiro. Hehehehehehe... Que delicinha! Aleluia! O mais hilário é que o Monstro é mesmo a cara de Juzinha e Renanzinho: vestirem-se de Bruxa e Bruxo, montarem numa vassoura, sempre que a música brochante tocar... 
A comédia da prova ficou por conta de Adélia dando o maior piti porque não ganhou a prova. Agora, temos mais esta novidade: todas as pessoas que ganharem a prova do anjo têm que pedir mil perdões à fofoqueira falseane por não ter deixado que ela ganhasse. 
Tamielzinho bonzinho ficou muito revoltadinho com a comemoração de Ana Paula. Um ato de lesa majestade, um acinte, uma falta de respeito com a dor da Mater Dolorosa. Ai, meus calos! Que gente ridícula! Assim, Ana também não podia comemorar sua vitória, porque a lindinha está com o coraçãozinho bondoso e meiguinho doendo de saudade do filhinho homem feito. Vai se catar coisinhas babaquinhas... Precisam recomeçar com as meditações: Ommmmm, Ommmmmm. 
Ana chorou, gritou, extravasou a angústia que estava sentindo com a ameaça de ir para o paredão com Ronan. Fez muito bem gritar sua euforia justificadíssima, está comemorando muito o alívio, dizendo milagres existem! Vou para o paredão e volto!
Fiquei contente com essa conquista da protagonista do BBB16, condenada a pagar seus pecados no próximo paredão. Est agora que la porcora torcerum raborum sunt. 
Como tinha que cumprir o ritual da paparicação com a inconsolável mocinha, Ana queimou incenso e ainda pediu desculpa à Adelia: “desculpa, sei que você queria muito, mas eu também queria e precisava proteger Ronan”. Pooooode? É de lascar los bicos! 
No quarto, deitada e em copioso e dramático pranto, Adélia, aos soluços e já de cara inchada, lamentava-se da injustiça sofrida por não ter ganho nada, quando foi Anjo. Acusou a produção de não a tratar como os demais, etc, etc, etc. Recusou-se a cozinhar, ficando no quarto desfiando o rosário das lamentações... Tadinha, né mermo? 
No caso do Monstro, Ana Paula matou dois coelhos numa só cajadada! Ó, vingancinha gostosinha! Até numa ocasião dessas, a capeta é protagonista, causa, faz acontecer. 
Bom mesmo é ver Renanzinho lindinho e Julianinha mimosinha putinhos da vida com o horrendo e incômodo traje preto de bruxa e fazendo o maior esforço para fazerem de conta que estão adorando o castigo divertidíssimo. Ó Céus, Ó Dor, Ó vida ingrata! 
No quarto laranja, longe de Ana e Ronan, a dupla está esbravejando por terem recebido o castigo. O mais hilário é acharem que foi por maldade e vingança de Ana... Não é uma fofurice? Claro que é! 
Foi só abrirem o quarto do líder para Juliana correr para lá. Agora com o monstro, ela vai colar no pobre coitado que nada quer com ela, vai pular em cima do fiel rapaz, tirar boas casquinhas. Coitado do líder! Que sina cruel! Como ser fiel em tão adversas circunstâncias! 
Tamiel já decidiu que o casal, que nunca foi, partilhem o mesmo leito... Quanto a ele, não se incomodará de dormir no chão. Coisa mais linda e abnegada! Ommmmmm, Ommmmmm! Hare Krisna! 
A festinha de ontem rendeu mais uma ceninha de incêndio nas calcinhas. Desta feita não foi Munik quem pulou em cima do moiçolo, mas foi ela quem relatou para Geraldona a ocorrência vexatória. Segundo a pequizinha, o fuzuê ocorreu na madrugada. Ela acordou com Matheus fazendo bagunça, conversando com a Adélia, dizendo que era para buscar a Juliana na área externa, porque ela estava querendo pegar o Renan e ele não estava aceitando (o ataque de pepeca abstinente da bailarina encachaçada e em fogo) Que vexame! Que mulherzinha sem amor próprio!
Adélia se levantou e foi buscar a oferecida Juliana. Fez uma bagunça e acordou todo mundo do quarto, conta Munik. Tamiel também escuta a história e comenta: "Esse povo é doido demais". Doido? Em minha terra isto tem outro nome, Bebê. 
A Fofolete deslumbrada não fez dramalhão choromingas, mas, em compensação infernizou o fim de festa de Matheus, querendo forçar uma descabida DR. O carinha driblou-a o que pode, nem olhava para ela, se fazendo de desentendido. Ai, que vergonha alheia.
No quarto do líder, a conversinha entre o Bruxo e Tamiel está sendo de uma comicidade ímpar! Renan dizendo a justificativa idiotérrima que preparou para indicar Ana Paula, e Tamiel, na maior paciência, dissuadindo-o de falar mais da conta, de atacá-la em rede nacional, para não pegar mal para ele. A cada recomendação de Taniel, o fulano limitadinho criava outro discursinho mais fuleiro e rasteirinho. E eu me acabando de rir com tanta asneira. Depois de muito ensaiar, o liderzinho bunitinhu decorou o texto aprovado pelo professor. Que sofrência desesperada! O rapaz lindinho sabe dizer desaforos, sabe crescer para cima de mulher, mas na hora de falar um tema sério, com atitude de adulto inteligente, o modelito é de dar dó. Vai estudar, menino! Vê se cresce, se amadurece! A vida não se resume em afofar o topete...

Postar um comentário