27 de janeiro de 2015

A chapa esquentou para valer na casa do BBB15



Abri o PPV pela manhã e vi a casa pegando fogo, com discussões acaloradas Adrilles, Mariza, Fernando e os dois emparedados, especialmente com o histérico Douglas que, desde a noite de ontem, fala descontroladamente como uma metralhadora destravada. Que bafão medonho! As acusações partem de todos contra todos os envolvidos. Mariza falou demais, revelando particularidades que Adrilles lhe falara e a chapa esquentou entre os dois. Gosto muito de Mariza e de Adrilles, mas reconheço que ambos falam demais e ouvem pouco. São dois compulsivos da palavra. Assim, Mariza, em sua excessiva loquacidade, findou dizendo que foi induzida por Adrilles a votar em Douglas, deixando-o indignado e decepcionado com a líder, afirmando que nunca tentou influenciar o voto da líder que, desde o banho de Douglas despido na presença dela, resolvera votar no peladão..
Ao fim e ao cabo, os dois emparedados estão se esforçando ao máximo para gerar a desunião: Fran entre os seis que votaram nela, jogando uns contra os outros, Douglas fazendo o mesmo, mas despejando a carga pesada em Mariza. 
Mas, quem mais vem manipulando as cabeças fracas é a perigosa e pérfida Francielle, inconformada por ter sido desmascarada, em seu jogo sórdido, por Fernando, Marcos e Mariza, vem usando todas as facetas do seu mau caratismo para desestabilizar e denegrir o grupo dos seis. Ela está fazendo exatamente o que disse a Fernando, ou seja: exceto matar e roubar tudo é válido para vencer os demais. Daí, ela está lançando mão de toda sorte de canalhice para denegrir e desconstruir a imagem, principalmente dos seus adversários. 
Francielli tem de sair já. A mulher é perigosa e sem escrúpulos e sem limites quando se trata de defender seus interesses espúrios. Ela tem o poder formidável de deturpar, enganar, manipular, iludir e se fazer de boa moça que me espanta e dar arrepios... Essa mulher num tribunal, defendendo um criminoso é capaz de convencer o Juíz e os jurados que o cara é um santo, se for do interesse dela. A presença nociva e venenosa dela na casa pode fazer com que muita gente se perca, e o jogo que começou bem venha a se tornar uma droga, como no do ano passado, quando a Ângela e as Clanessas foram ficando e ficando até a final... Se queria fazer o papel da vilã da edição, então assuma a escolha que fez e o que disse, não seja covarde 
Gosto de jogo no BBB, gosto de ver um inteligente e ético ataque e de um bom e certeiro contra-ataque.

LEIA MAIS, clicando na frase abaixo


Na minha visão não foi o caso de Francielli (manipulando pessoas a seu favor, pressionando as pessoas, mentindo e ludibriando para não levar votos e se manter no jogo como mentora dos aliados que, depois, destruiria), Mas, foi bem caso de Fernando em seu conta-ataque (através da percepção e excelente leitura que ele teve dos movimentos da Francielli e tendo coragem para deixar claro para ela, na festa, que sacara o jogo pesado dela e após, no domingo, dando-lhe um golpe de mestre, falando para as pessoas o que sabia, convocando-as a pensarem bem no voto que dariam, se não deveria ser nela. O Marco só complementou essa história com a informação do video. Mas o Fernando já havia pescado também isso antes. Ele foi bem claro isso!
O fato é que Francielle ainda está manipulando várias pessoas a seu favor. Angélica é uma delas, esta criatura pedante ou é burra ou é mal caráter também... Lamentável.
Tamires é uma coitada de ideias curtas e tolinha. Acompanha a mestra Fran, fazendo fofocas e um infame leva-e-traz. Á tonta já chegou ao absurdo de achar que Marcos está de olho nela... Coitado de Marcos sendo detonado pela famigerada Franciell e pela recalcada Tamires. 
Francielli, no maior descaramento, dizendo que Marcos quer "comer" {sic} Aline. É muita baixaria dessa mulher que já tem mais de quarenta anos, é formada em direito e se comporta como uma mulherzinha reles, maledicente e capaz mesmo de tudo para "meter a faca" na honra e na imagem dos adversários. Muito nojenta essa Fran.
Francielli não teve pejo em dizer que sente nojo do Marco, que ele fica pegando nas mulheres, alisando, segurando na mão. E as outras ovelhinhas negras do seu rebanho concordando, que acham que ele vê elas como vadias. Entusiasmada com a concordância do grupinho fofoqueiro, Fran resolveu dar para ele o apelido de Tarado.
Enfim, elas conseguiram em meia hora falar mal de todos os outros, em alguns casos com acusações caluniosas. Nem a Produção do Programa escapou à língua viperina da emparedada. Ela meteu o pau, inclusive afirmando que considera uma injustiça a pessoa entrar na casa, já tendo visto as chamadas dos outros.
Com efeito, Francieli deturpa tudo a seu favor, dizendo ao Douglas que se soubesse que o voto seria nele, ela não deixaria a Mariza ganhar (É muito falsa, hipócrita e mentirosa!). E o trouxa acreditou em tudo quanto ela disse. Muito otário e crédulo esse metido a besta! Espero que ele fique hoje e saia no próximo paredão. Ele, pelo menos não está jogando sujo, está apenas exercendo o seu direito de reclamar a indicação dele baseado nas mentiras que Fran lhe passou, jogando a culpa pelo ocorrido para Adrilles, com quem discutiu indignado. Vai ter muita raiva ao descobrir como foi enganado pela víbora.
Douglas sabe que Francielli, inicialmente estava armando um paredão com ele e Luan, e disse isso a ela. Claro que a megera negou tudo, distorceu os fatos e jogou a culpa em Adrilles Fernando e Marcos.
Quero ver jogo ético, com um mínimo de respeito pelo adversário, quero casais no paredão e, mais que tudo, quero ver eliminado/a quem for da raça ruim e execrável de Francielli. 
Aline ficou, mas tenho um pé atrás com essa garota. Depois que ficou, virou samambaia, na sombra de Fernando, se fazendo de boazinha demais para meu gosto. Espero que ela não atrapalhe o jogo dele, se não já está atrapalhando. Não sei porque, mas não consigo confiar nela. Gostei que ficasse, apenas para dar uma boa lição na destrambelhada do clítoris aflito que jurara ódio eterno pela loura que, em sua loucura, acha que lhe usurpou o namorado que nunca foi).
Estou torcendo para que as pessoas usem a razão e tirem Francielli, ela merece tomar uma lição, que aprenda a não usar as pessoas, aprenda a ser gente, a ter vergonha na cara.
O interessante dessa edição do BBB é que ela está diferente das demais. Primeiro, há muito tempo não havia tantas pessoas interessantes num só jogo e tão poucas mulheres tipo Playboy na casa. Periguete só vejo a destrambelhada zoiúda de olheiras de panda. Segundo, os jogadores estão fugindo dos argumentos clichês. As justificativas no confessionário, pela primeira vez, não falaram em voto por afinidade. A tônica do grupo não é pautada por “eu vim aqui para ser eu mesmo” ou “eu não vou jogar”, "não sei em quem votar, porque gosto de todos" e outros chavões consagrados pela burrice e falta de argumentos. A turma toda mandou bem nas justificativas. 
Francielli continua negando que em sua chamada de apresentação tenha dito: Vou formar alianças e aliados e, depois vou queimar todos eles. Não ela adianta argumentar que isso são palavras vãs ditas na cadeira elétrica apenas para ganhar uma vaga no programa. Se fez isso, não foi honesta, já estava iniciando o seu jogo de enganação. Sempre fomos contra essa história de prometer uma determinada atuação e depois não cumprir a promessa. E, mais, Mas, Fran entrou no jogo pondo em prática o que se propusera fazer, com as garras afiadas e pronta para vencer a qualquer custo, usando a moral do vale tudo por dinheiro. 
A advogada, a mulher que estuda as leis, esqueceu que o BBB não é um vale tudo para ganhar. Os jogadores têm que ser idôneos, serem éticos, terem disciplina moral e não ultrapassarem os limites da decência, do respeito e das leis da boa convivência. Mas, se resolvem partir para a patifaria, que aguentem a justíssima reação dos demais participantes e o julgamento do público. Da mesma maneira que eles têm o direito de exercer o livre arbítrio, o público tem o direito de julgá-los em suas atitudes e condená-los ou não. 
Ela disse a barbaridade que realmente disse esquecendo que falava para milhares de telespectadores que encaram o jogo do BBB como jogo sim, mas que não se esquecem que é um jogo que envolve relacionamento humano. Se na política brasileira a corrupção, a manipulação do eleitorado, o toma lá, dá cá, a troca de favores é a tônica, no BBB esse tipo de bandidagem é novidade, inaugurada pela advogada Francielli. Péssima para a imagem dela fora do BBB... 
Revelou-se ao público e ao grupo quando declarou no programa ao vivo que não quis a liderança por uma questão de estratégia de jogo, por não querer se expor. Como ela achava que o público e, principalmente seus pares, interpretariam essa declaração? Da única maneira possível, ou seja, ela não se expôs e jogou no fogo a Mariza entregando um carro e 10 mil reais como moeda de troca. Se ela vai sair ou não, isso já é outra história que depende de mobilização das torcidas pró e contra e da casa não perder a mão no processo de demonização da megera.
E, pior, a grande jogadora da temporada, além de fazer esse monte de besteira logo na primeira semana, agora, depois que viu o tamanho de seu engano quer dar uma de vítima, de injustiçada e de traída, na maior cara de pau. 
Em conversa com Cezar na academia, Fran, nos julgando idiotas, afirmou que tudo não passou de brincadeira, que ela estava bêbada quando chamou Fernando para o embate, que eram apenas palavras vãs, assim como as da cadeira elétrica, sem nenhuma intenção de ter verdade. Esqueceu que havia dita antes que não bebia nas festas realizadas antes de provas como a que ocorreria no domingo (prova da comida).Nojenta demais para meu gosto. Fran é vítima de si mesma, de seu excesso de esperteza e falta de inteligência.
Por enquanto estou gostando da dinâmica entre todos os participantes. Eles conversam e bastante, coisa rara, seja algo mais elaborado, mais culto, seja banal e anedótico, o assunto rende! (Só não rende mesmo o papo do César com Tamires. Ai, meu São Benedito: Tamires é alienada mesmo... Cézar, além de chatérrimo, tem uma psiquê bem atrapalhada...
As conversas entre Adriles, Marco e Mariza são sempre um capítulo a parte, são excelentes, de alto nível intelectual, sem ser pedante e maçante. Na piscina, ontem, me acabei de rir com as tiradas deles. Na noite do cinema, fiquei ouvindo-os até a madruga. Além de instrutivo, estava sendo muito divertido.

7 comentários:

Anônimo disse...

Angela do bbb passado tb era podree acabou em 2 lugar. Tem q tirar esses tipos logo!!!!!

Bianca Sampaio disse...

Que texto tendencioso.

Zenobia Collares Moreira disse...

BIANCA SAMPAIO
Achou tendencioso? Problema seu. O que você acha é com você. Para mim o que me interessa é o que eu e meus amigos achamos. Entendeu, linda? Se não entendeu, posso desenhar!

Zenobia Collares Moreira disse...

ANÔNIMO
POis é, a espertinha foi defenestrada e saiu de mãos abanando... Delicinha!

Iara disse...

Evvaaaa a mulher saiu, voce acompanha twitter, nossa parece que o bbb acabou, como as pessoas nao sabem perder ne.
Ela saiu porque errou na mao, ponto.

Texto impecavel, so nao curti chamar minha bichinha de piriguete orelhuda zoiuida rsrsrs nao tem problema..é boa moça, voce vai gostar, é só dá tempo.

Iara disse...

Eu queria entender porque alguem perde tempo de ler um texto sobre bbb, ir comentar que aquilo nao serve.
SE eu leio algo que acho ruim eu fecho a janela e nao volto mais!!

Zenobia Collares Moreira disse...

IARA, em atenção a você e a sua simpatia, prometo não chamar mais Amanda de piriguete, zoiuda, etc.
Uma delicinha a saída da espertinha. Se ficasse, findaria na final, COMO CHEGARAM TANTAS QUE NÃO MERECIAM.
Não ligo para quem entra aqui para ser indelicado/a. Dou logo a resposta que merece e encerro o pacote.kkkkkkkk.