20 de setembro de 2013

"A pouca vergonha corre solta na "Fazenda"


        
                                  Tem comparação estas duas? Daí, a inveja e perseguição. 


"A transa corre solta na "Fazenda" , sob a benção do Bispo, deixa até os técnicos da Record boquiabertos com a extensão da permissividade e shows de lascívia.
Pela primeira vez na história de A Fazenda, tiveram que chamar um ginecologista na "Fazenda", para atender Bárbara Evans, quem achava que engravidara de Matheus.
No primeiro momento suspeitou-se de uma gravidez, mencionada pelo casal bom de cama, que não se confirmou. Os exames, realizados com mais calma, apontaram para uma coisinha sem maior importância: Muita fudelância! Transa liberada e praticada até com o quarto cheio de gente, com todos os ruídos típicos de tal atividade.
Os funcionários que prestam serviços na fazenda asseguram que, em matéria de pegação, nunca se viu nada parecido no programa. A coisa está rolando solta.
Nem mesmo as câmeras, espalhadas por todos os lados da casa, causam qualquer tipo de inibição ou constrangimento. Os filmes da "Brasileirinhas" perdem fácil, fácil."

Leia a íntegra da coluna do Flávio Ricco


FONTE: http://televisao.uol.com.br/colunas/flavio-ricco/2013/09/19/a-transa-solta-na-fazenda-surpreende-os-tecnicos-da-record.htm"


Pela boataria que corre solta nas redes sociais já se sabe que Bárbara recebe recadinhos na despensa da sede, que já pediram à Monique o vestido que ela deverá usar na noite da vitória. 
Para que Denise, a favorita dom público ganhe este prêmio, será necessário um milagre ou a torcida se matando de tanto votarem. Mateus é mero coadjuvante de cama para a loura. Coitadinho! 
Esse programa é mesmo um nojo, puro lixo não reciclável: podre!


A ROÇA ESTÁ FORMADA. Desta vez, a Filé de Toucinho caiu na roça e será eliminada sem dó. Essa mulherzinha vulgar e feia nunca deveria ter entrado no programa: é baixa demais, sem nível e sem nada que justifique a sua presença, senão um afago na classe C e D. Afinal, ela agrada na periferia...

Nenhum comentário: