4 de abril de 2011

Maria, mentira tem pernas curtas!


Pena que hoje não seja o dia 1º de Abril, dia da mentira, pois viria a calhar com a mais cabeluda das mentiras, dentre outras, que Maria Melillo vem dizendo, decerto porque ainda não sabe que mentira tem pernas curtas, que pode tapar o sol com peneira... Foi uma lástima a apresentação da campeã no programa do Faustão tendo que enfrentar perguntas vexatórias sobre os vídeos seus que circulam na Internet e em vez de aproveitar o ensejo para dizer a verdade, optou por negar que os tenha feito, com essa descarada resposta “Só tenho uma coisa a dizer: inveja”, Em seguida fez um teatrinho ridículo dizendo que perdoava Ariadna pelas informações que passou na Casa de Vidro, que segundo a campeã do BBB são mentiras. Neste caso, ela passa a ser a verdadeira e Ariadna fica com o rótulo de mentirosa!  

Que grande furada a dela dizendo que não vai dar continuidade ao processo contra a Ariadna, que a perdoa. Onde já se viu uma pessoa que é realmente inocente de uma acusação caluniosa grave não fazer nada na justiça para limpar o nome, exigindo que a caluniadora apresente provas ou declare que mentiu? Isto não existe!. Esta atitude confirma que ela mentiu e está com medo, porque sabe que se mexer mais nessa sujeirada, ela pode "feder" mais ainda, inclusive vazando para a mídia outras "informações" não reveladas e piorar a situação dela. Claro que não fez isto por ter “coração bão”. Agiu assim porque já sabe que se for adiante com o processo vai se ferrar. Duvido que algum juiz, ao ver todo o material da Meg Melilo disponível na Net, dê ganho de causa pra ela. 

Ela também já deve estar sabendo que será impossível tirar da rede os vídeos e fotos comprometedoras. Os vídeos foram disponibilizados para a Internet e se tornaram públicos, pois não são comercializados. Foram gravados por internautas brasileiros e estrangeiros. Se tentarem eliminá-los terão que fazer isto, também, com os que estão em centenas de sites e blogs, além do You Tube internacional, agências de acompanhantes, etc. 

As grandes mentiras, aquelas que funcionam como máscaras usadas visando passar para as outras pessoas uma imagem contrária ao que elas são na realidade, com a intenção de encobrir um erro inconfessável é grave. Além de ser muita ingenuidade, pois mais cedo ou mais tarde a máscara acabará caindo e a verdade aparecendo com a sua força devastadora. 

Nos dias atuais, em que existem variadas formas de divulgação dos acontecimentos e fofocas, notadamente no espaço abrangente da Internet, com o You Tube, sites, Twitter, vídeos, Facebook e blogs, as coisas se espalham pelo Brasil e por outros países em proporções alarmantes e impossíveis de serem obstaculadas ou eliminadas. Para quem ingressa no tortuoso espaço da FAMA, mesmo que seja por meio de um reality show, cuja fama é passageira, as consequências de uma mentira, especialmente se diz respeito a práticas que colidem com os padrões de comportamento aceito pelo código moral da sociedade, podem se tornar alarmantes. Uma vez vindo à tona a verdade, a pessoa que negou seus erros passados publicamente, que mentiu com a intenção de se passar pelo que não é, ficará desmoralizada e desacreditada, não apenas pela falta grave cometida no passado, como por não ter tido a honestidade de assumi-los no momento em que foram apontados. Talvez a mentira seja mais difícil de ser perdoada que o fato desabonador em si mesmo. 

Maria vem negando seu passado e renegando Meg Melillo desde que saiu da casa, até para Wesley. Quando, numa relação amorosa que se inicia, um dos envolvidos é acusado por pessoas, que conhecem seu passado, de ter feito isto ou aquilo, na presença do outro e nega veementemente a culpa, para manter as aparências, torna-se duplamente culpada: pelo erro do passado e por estar mentindo, enganando, sendo desonesta. Não importa as razões que levam a pessoa a mentir. A única atitude correta, decente e honesta é assumir o erro cometido e revelar a verdade, por mais medonha que ela possa parecer e por mais difícil que seja de ser revelada. 

Essa atitude dignifica a pessoa, atesta o seu bom caráter, a sua índole honesta e a sua autenticidade. A nobreza de tal atitude impõe respeito, por si mesma, exige a compaixão e a compreensão do outro, notadamente se tudo for tratado em um diálogo franco, sereno, sem choradeiras desnecessárias a uma pessoa adulta, que está se redimindo dos seus erros passados com a própria verdade, proferida de cabeça erguida. Dizer SIM eu fiz isto durante algum tempo e não gosto do que fiz. É doloroso, para mim, lembrar esse passado negativo, que desejo esquecer, pois mudei, não sou mais aquela pessoa depravada e perdida dentro do labirinto das minhas ilusões e equívocos. Quem assim age tem grandeza de alma. Não pode mais ser execrada ou desprezada. 

Sinto dó de Wesley e da sua família já sabedora das polêmicas contra Maria. As palavras do pai dele valeram como um alerta para que o filho não fosse com muita sede ao pote. A mãe parecia ansiosa e preocupada.

 Essa história toda ainda vai dar muito o que falar.